Sportbuzz
Testeira
Futebol / GUERRA NA UCRÂNIA

Ucrânia: Jogadores brasileiros desembarcam no Brasil

Jogadores brasileiros do Shakhtar Donetsk e Dínamo de Kiev chegam da Ucrânia e relatam momentos de tensão após invasão da Rússia; grupo estava junto em hotel em Kiev

Redação Publicado em 01/03/2022, às 16h03 - Atualizado às 17h51

Ucrânia: Jogares brasileiros desembarcam no Brasil - Transmissão/ TV Globo - 01/03/2022
Ucrânia: Jogares brasileiros desembarcam no Brasil - Transmissão/ TV Globo - 01/03/2022

Os jogadores e profissionais brasileiros que estavam em times da Ucrânia começaram a desembarcar no Brasil na manhã desta terça-feira, 1. Os atletas de Shakhtar Donetsk e Dínamo de Kiev saíram do país europeu no início da semana, dias após a invasão das forças militares da Rússia em território ucraniano. Os atletas e familiares viveram momentos de tensão desde a última quinta-feira.

Ex-Corinthians, o volante Maycon, que tem contrato com o Shakhtar, foi o primeiro atleta a desembarcar no Aeroporto Internacional de Guarulhos. Junto com sua esposa e filhos, o jogador veio para o Brasil em voo que saiu de Frankfurt. Antes de chegar na Alemanha, Maycon e sua família passaram pela Romênia depois de escapar da Ucrânia.

Canal - SportBuzz:

“Numa palavra não daria para definir esses últimos dias. Foi uma mistura de sentimentos, de terror, de medo. Depois uma sensação de alívio, de gratificação por poder sair e com todos bem - afirmou Maycon, que estava há quatro anos no futebol ucraniano e disse ter ficado surpreso com a guerra”, disse o volante aos jornalistas presentes no aeroporto.

“(A invasão russa) Pegou um pouco a gente de surpresa. Sabíamos do risco, mas tínhamos diversas informações e não acreditávamos que seria daquela forma. Maior tristeza foi porque tinha esposa, filho, pai e mãe comigo e não queria que eles passassem por isso. Mas graças a Deus saímos todos juntos”, acrescentou.

Jogadores brasileiros estavam em hotel em Kiev
Jogadores brasileiros estavam em hotel em Kiev (Crédito: Instagram)

 

Desde a última quinta-feira, 24, Maycon e seus familiares estiveram abrigados em um hotel em Kiev, junto com outros jogadores brasileiros. No sábado, o grupo seguiu em uma viagem de trem para a cidade de Chernivtsi, no Oeste do país, para chegar até a Romênia. Os brasileiros saíram em um comboio de carros próprios para a estação.

“Ainda não parei para pensar nisso. Eu só pensava em ir embora dali. A Ucrânia esta sofrendo muito e fico realmente muito triste por isso. Temos grandes amigos por lá, sentimos muito por eles e torço para que tudo se resolva”, disse sobre a possibilidade de retornar ao país europeu.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Pedro Victor (@pedrovictor38_)

 

Além de Maycon, chegaram ao Brasil, via Aeroporto Internacional de Guarulhos (São Paulo) e Aeroporto Internacional Tom Jobim (Rio de Janeiro): o zagueiro Marlon Santos, ex-Fluminense; o lateral Dodô, ex-Coritiba; o atacante Pedrinho, ex-Corinthians; Bruno Ernandes; e o preparador físico Luciano Rosa. Naturalizado ucraniano, o volante Junior Moraes, que foi fundamental para o grupo durante a fuga, seguiu em Paris.


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!