Sportbuzz
Testeira
Futebol / DEU RUIM!

Treinador do Internacional é denunciado pelo TJD-RS por invasão antes de estreia; gancho pode ser de 3 jogos!

Ramírez foi até a área técnica do Colorado mesmo sem estar regularizado para isso

Redação Publicado em 16/03/2021, às 07h40

Miguel Ángel Ramírez, treinador do Internacional - GettyImages
Miguel Ángel Ramírez, treinador do Internacional - GettyImages

Deu ruim para o Internacional!

A Procuradoria do Tribunal de Justiça Desportiva do Rio Grande do Sul (TJD-RS) denunciou o técnico do Colorado, Miguel Ángel Ramírez, pela invasão à área técnica durante a vitória por 4 a 2 sobre o Ypiranga, no último domingo, 14, no Beira-Rio.

Apesar da decisão, ainda não há data para marcada para o julgamento.

Segundo informações do site "Globo Esporte", o treinador foi enquadrado no Artigo 258-B do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), por "Invadir local destinado à equipe de arbitragem, ou o local da partida, prova ou equivalente, durante sua realização".

Nesse caso, a pena prevista, em caso de condenação, é de uma a três partidas de suspensão.

A duração da pena ainda é tema de debate na Procuradoria. O texto do artigo 258-B do CBJD fala em punição de jogos para atletas e técnicos.

No entanto, Ramírez ainda não teve seu contrato de treinador publicado no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF, justamente por isso ainda não estreou.

Caso seja este o entendimento, a suspensão pode ser contabilizada em dias e vai de 15 a 180 dias. Até a data do julgamento, porém, o treinador já terá sua situação regularizada.

O caso

Ramírez assistiu à partida na primeira fila da arquibancada inferior, na mureta do Beira-Rio, e orientou a equipe dali durante a maior parte do jogo.

No segundo tempo, porém, ele abriu o portão e foi até a área técnica duas vezes para passar orientações aos auxiliares os auxiliares Martín Anselmi e Osmar Loss.

Depois, o episódio foi relatado pelo árbitro Jean Pierre Lima na súmula da partida. O árbitro citou que a atitude de Ramírez não interferiu no andamento do confronto.

"Ao final da partida, quando já estava no vestiário, fui informado pelo responsável da empresa Create (empresa responsável pelo controle do acesso ao gramado) que o sr. Miguel Ángel Ramírez, que estava credenciado para permanecer apenas nas arquibancadas, abriu a grade que dá acesso ao gramado, foi próximo à área técnica do S.C. Internacional e conversou com membros da comissão técnica que estavam relacionados para a partida. Em um determinado momento, o quarto árbitro, ao ser informado do fato, imediatamente, comunicou o treinador do S.C. Internacional, sr. Osmar Loss, que o sr. Ramírez não poderia ultrapassar a grade de acesso ao gramado. Assim foi prontamente atendido e o fato não mais se repetiu. Saliento ainda que a referida ocorrência não causou qualquer tipo de prejuízo ao andamento da partida", diz a súmula.

Loss foi quem assinou a súmula como o treinador do Inter para a partida, por mais que Anselmi fosse quem orientava o time à beira do campo.


 
 
 
 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!