Sportbuzz
Testeira
Futebol / IMPORTANTE!

Treinador da Dinamarca agradece apoio após classificação e fala sobre Eriksen: "Penso nele o tempo todo"

Comandante da Dinamarca disse que a torcida foi importante para a equipe avançar, e que torce pela volta de Eriksen

Redação Publicado em 03/07/2021, às 18h08

Kasper Hjulmand, treinador da Dinamarca, fala sobre Eriksen - GettyImages
Kasper Hjulmand, treinador da Dinamarca, fala sobre Eriksen - GettyImages

A Dinamarca está de volta na disputa de uma semifinal da Eurocopa depois de 29 anos! A equipe se classificou neste sábado, 3, depois de vencer a República Tcheca por 2 a 1. Na entrevista após o jogo, o treinador exaltou a torcida, e falou que pensou em Eriksen todo o tempo.

"Estou muito orgulhoso de estar numa semifinal de Eurocopa com esse time. As asas que nos deram são muito importantes. Queremos dar algo de volta para as pessoas que estão torcendo da Dinamarca. Estou recebendo muitas fotos. Agradeço demais pelo apoio. E aqui em Baku parecia que o estádio era nosso", disse Kasper Hjulmand.

Esse grande passo para a Seleção da Dinamarca fez com que o treinador lembrasse da trajetória da equipe até chegar aqui. O mal súbito de Eriksen serviu como combustível para os atletas darem o melhor de si em cada uma das partidas.

"Pensei nele durante o jogo, depois do jogo. Fico pensando o quanto seria maravilhoso ter ele jogando aqui. Ainda é parte importante do nosso time, e peça fundamental da nossa campanha para Wembley. Ele tem sido parte do time por muito tempo. Penso nele o tempo todo", contou o treinador.

Para conquistar a classificação, o volante Delaney abriu o placar logo aos quatro minutos de jogo, e o atacante Dolberg ampliou aos 41. Patrik Schick diminuiu no início do segundo tempo, e os tchecos buscaram até o fim, mas não conseguiram o empate.

Com 17 finalizações, sendo cinco no alvo, o técnico dinamarquês destacou o esforço defensivo de seu time.

"Acredito que começamos o jogo muito bem, fizemos o que tínhamos trabalhado. No segundo tempo iniciamos com dificuldades. Foi um jogo difícil, como temíamos. Na etapa final tivemos espaço, mas não conseguimos aproveitá-lo. Todos fizeram o melhor possível para impedir a pressão. Algumas vezes você precisa vencer assim. Em alguns jogos vencemos de goleada, dessa vez foi diferente", analisou o comandante.

Nesta edição da Eurocopa, a Dinamarca fez 11 gols, tendo um dos melhores ataques da competição, ficando atrás apenas da Espanha, com 12. Além disso, a Seleção Dinamarquesa ultrapassou a quantidade de gols marcados pela geração de 1986 na Copa do Mundo, a "Dinamáquina", com 10 triunfos.

Agora, a Dinamarca vai enfrentar na semifinal a Inglaterra, que goleou a Ucrânia por 4 a 0. A próxima partida será na quarta-feira, dia 7 de julho, em Wembley.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!