Sportbuzz
Testeira
Futebol / CAMPEONATO BRASILEIRO

Sport pode ser rebaixado nesta terça-feira; entenda

Vice-lanterna do Campeonato Brasileiro, Sport depende do resultado de partida da 35ª rodada para seguir sonhando com permanência na Série A da competição nacional

Redação Publicado em 30/11/2021, às 10h57

Sport pode ser rebaixado nesta terça-feira; entenda - Transmissão Premiere - 18/11/2021
Sport pode ser rebaixado nesta terça-feira; entenda - Transmissão Premiere - 18/11/2021

Vice-lanterna do Campeonato Brasileiro, o Sport vive fase decisiva contra o rebaixamento na reta final da competição nacional. Mesmo sem entrar em campo, o Leão da Ilha pode cair para a Série B nesta terça-feira, 30, dependendo do resultado da partida entre Juventude e Red Bull Bragantino, às 19h (de Brasília), no Alfredo Jaconi.

Primeiro time dentro do Z-4, a equipe gaúcha tem 40 pontos contra 33 do Sport. Em caso de vitória, o Juventude vai aos 43 pontos, abre dez de vantagem e o Leão confirma o rebaixamento para a segunda divisão nacional faltando três partidas para o fim. A equipe comandada por Gustavo Florentín só pode alcançar 42 pontos.

Neste cenário, o Juventude deixaria o Athletico como o primeiro time dentro do Z-4, com 42 pontos. Caso o Sport vencesse todos os três jogos restantes e contasse com derrotas do Furacão em todas as partidas, os dois times chegariam na última rodada empatados em pontuação, e o Leão ficaria atrás no desempate por conta do número de vitórias.

Para seguir sonhando com a permanência na Série A do Campeonato Brasileiro, o Sport precisa torcer por um empate ou uma derrota do Juventude. No entanto, ainda precisaria vencer todas as partidas e contar com tropeços do time de Caxias do Sul, Grêmio e Bahia, adversários na luta contra o rebaixamento.

Gustavo Florentín, técnico do Sport (Crédito: TV Sport)

 

Florentín dispara contra Renato Gaúcho

O Sport recebe o Flamengo na próxima sexta-feira, 3, às 20h (de Brasília), na Arena de Pernambuco, em jogo atrasado da 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Dias antes do duelo, Gustavo Florentín, técnico do Leão, disparou contra Renato Gaúcho, ex-comandante da equipe rubro-negra. Em entrevista coletiva, o paraguaio ‘lamentou’ não poder enfrentar o colega de profissão, que deixou a equipe carioca depois de perder a final da Libertadores para o Palmeiras.

Durante a coletiva na última segunda-feira, 29, sobre sua renovação contratual com o Sport, Florentín afirmou que Renato “não tem ética” e que queria “tê-lo frente a frente para olhar na cara dele”. De acordo com o “GE”, em conversas com os jornalistas após a entrevista, o paraguaio afirmou que sua postura contra Renato se deu pelo comportamento durante a partida contra o Grêmio, seu ex-clube, incluindo uma conversa ao pé do ouvido com Cortez.

“É uma pena que Renato Gaúcho não estará contra nós, porque ele não tem código. Eu queria tê-lo frente a frente para olhar na cara dele. É uma pena. Sinto muito. Eu queria olhar na cara dele como homem”, disse o treinador do Sport, dizendo que queria explicações de Renato.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!