Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Futebol / RESPONDEU!

Simeone comenta declaração polêmica de João Félix: "O mais importante é…"

Após mais uma polêmica com João Félix, o técnico do Atlético de Madrid, Diego Simeone comentou em entrevista coletiva o assunto, de forma dura

Simeone comenta nova polêmica de João Félix - Getty Images
Simeone comenta nova polêmica de João Félix - Getty Images

O técnico do Atlético de Madrid, Diego Simeone concedeu sua primeira entrevista coletiva da temporada nesta quarta-feira, 26, e comentou sobre a situação de João Félix. Sem espaço no clube, o jovem portugês afirmou que gostaria de ir para o rival Barcelona, o que não caiu bem para a torcida, e rendeu comentários de seu chefe.

"O mais importante não é nenhum dos jogadores do elenco, o mais importante aqui é o Atlético. O Atlético é muito mais importante do que nós. E, quando chega ao clube, há valores como o respeito, o compromisso, a humildade… Até o último dia tem quer ter (esses valores), esteja onde estiver. Ninguém, saliento, absolutamente ninguém está acima do clube", colocou o treinador argentino.

Dentre diversas intrigas internas confirmadas por Simeone na ocasião, a última foi por uma entrevista concedida por Félix ao jornalista italiano Fabrizio Romano, onde afirmou que atuar no Barcelona seria um "sonho". Além do mal-estar internamente, a torcida também demonstrou grande descontentamento com a afirmação.

"Eu adoraria jogar no Barça. Sempre foi minha primeira escolha, meu sonho de criança. Se acontecer, jogar no Barcelona vai ser um sonho para mim", afirmou o jogador para o jornalista. João acabou de voltar de empréstimo ao Chelsea, e apesar de tanto ele quanto o Atlético estarem dispostos a uma negociação, a situação não é tão simples.

João Félix em ação pelo Atlético de Madrid
João Félix em ação pelo Atlético de Madrid / Créditos: Getty Images

Tendo custado mais de 120 milhões de euros aos cofres Colchoneros, agora a pedida mínima do clube é de 100 milhões, o que reduz consideravelmente os candidatos. Há algumas semanas, o PSG foi colocado como interessado, mas conversas não parecem ter caminhado. O português tem contrato até o meio de 2027.