Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Futebol / FINALMENTE

Seleção feminina americana conquista igualdade em premiações

Seleção feminina americana agora vai passar a receber os mesmos valores que são pagos para a masculina durante a disputa de Copas e Olimpíadas

Redação Publicado em 18/05/2022, às 13h59

Seleção feminina americana conquista premiação igual a masculina - GettyImages
Seleção feminina americana conquista premiação igual a masculina - GettyImages

A seleção feminina americana, tetracampeã mundial e olímpica, conquistou um feito inédito e de extrema importância para o crescimento da modalidade no mundo. Nesta quarta-feira, 18, elas deram mais um passo na conquista da igualdade de pagamentos com a masculina, segundo anunciou a federação de futebol do país (US Soccer). 

O novo acordo, que soma com o já alcançado em fevereiro deste ano, contempla as atletas com uma premiação igual a dos jogadores pela participação em Copas do Mundo e Olimpíadas. Essa decisão praticamente coroou a luta que foi iniciada há seis anos pela seleção feminina americana pela busca na igualdade em todos os sentidos com os homens no futebol.

Canal - SportBuzz

Ainda que outras seleções já tenham conquistado outras formas de igualdade de pagamento, como a brasileira, por exemplo, em setembro de 2020, a federação dos EUA comemorou o fato de a medida ter sido inédita, já que ela inclui também a divisão igualitária dos prêmios em participações nas principais competições do mundo.

A igualdade da Seleção Brasileira, por exemplo, inclui os pagamentos de diárias para mulheres e homens, mas com relação a participação nas competições, essa igualdade se dá somente no percentual dos prêmios, mas ainda assim respeitando os valores que são oferecidos e pagos pelas entidades organizadoras, como Fifa e Conmebol.

Seleção feminina americana conquista igualdade em premiações
Seleção feminina americana conquista igualdade em premiações (Crédito: GettyImages)

Já o acordo que foi firmado pela seleção feminina americana, que possui validade até 2028, é estipulado que as premiações dadas para as seleções masculina e feminina por participações em competições oficiais serão unificadas e divididas igualmente tanto para os jogadores como para as jogadoras, incluindo também as comissões técnicas nesse caso.

Além disso, o contrato ainda vai abranger as participações do país nos Mundiais masculino do Catar, em 2022, e feminino da Austrália/Nova Zelândia, em 2023, além das Olimpíadas de Paris-2024 e Los Angeles 2028. "Este acordo histórico vai cobrir os dois ciclos de Copas do Mundo e Olimpíadas e manter os jogadores e jogadoras entre os mais bem pagos atletas de seleção no mundo", anunciou a US Soccer nas redes sociais.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!