Sportbuzz
Testeira
Futebol / CUTUCOU!

Após polêmica em jogo do Santos, Neto alfineta Bolsonaro

Neto parabenizou o Santos por barrar Jair Bolsonaro em jogo contra o Grêmio, realizado no último domingo, 10

Redação Publicado em 11/10/2021, às 19h06 - Atualizado às 19h20

Neto alfinetou Bolsonaro e elogiou atitude do Santos - Os Donos da Bola
Neto alfinetou Bolsonaro e elogiou atitude do Santos - Os Donos da Bola

Nesta segunda-feira, 11, durante o seu programa "Os Donos da Bola", Neto se pronunciou sobre o veto a Jair Bolsonaro na Vila Belmiro. O presidente da República foi até ao estádio para assistir o confronto entre Santos e Grêmio, mas não pôde acompanhar o confronto in loco, pois não estava portando o seu cartão de vacinação. 

Neto parabenizou a atitude do Santos em não deixar Jair Bolsonaro entrar na Vila Belmiro e por ter cumprido com o que se previa para as pessoas que fossem a Vila Belmiro assistir a partida. Além disso, o apresentador do programa "Os Donos da Bola" pediu respeito para o presidente da República em relação as pessoas e regras impostas. 

"Parabéns ao Santos, de não deixar o presidente da República, o senhor Jair Bolsonaro, que a gente tem que ter o respeito. Mas ele deveria respeitar as pessoas, porque a regra é para todo mundo. Sem vacina, você não pode entrar em nenhum estádio, mesmo sendo presidente da República", afirmou o apresentador. 

Neto ainda seguiu mandando um recado para Jair Bolsonaro e parabenizando o alvinegro da Vila Belmiro: "Parabéns ao Santos. Ninguém tem direito sem estar vacinado. E o senhor não está mais imune que eu porque eu tomei a vacina. Sem a vacina, a gente não sobrevive".

ENTENDA A POLÊMICA!

No último domingo, 10 de outubro, Jair Bolsonaro foi barrado na Vila Belmiro de assistir o jogo entre Santos e Grêmio pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro, isso porque o Presidente não está vacinado contra a covid-19. No dia, Bolsonaro realizou uma live no Facebook quando foi impedido de entrar e argumentou: 

"Por que passaporte da vacina? Eu queria ver o jogo do Santos agora e me falaram que tem que estar vacinado. Por que isso? Eu tenho mais anticorpos do que quem tomou a vacina" disse Bolsonaro

Essa foi a primeira partida do Santos com seu público na Vila Belmiro desde o início da pandemia, que teve aproximadamente 4.600 pessoas acompanhando a vitória importantíssima do Peixe por 1x0 sobre o Grêmio, em um confronto direto na luta contra o rebaixamento para a Série B.

 

 

Seguindo as regras da CBF e do Governo do Estado de São Paulo, foi permitido abrir 30% da capacidade total dos estádios, com o público tendo que apresentar o comprovante de vacinação completo, seja Coronavac, Pfizer, Astrazeneca ou Janssen. 

Caso o torcedor não tenha tomado as duas doses, ainda se pode assistir a partida apresentando o comprovante da 1ª dose e um teste com validade de 48 horas do tipo PCR, ou 24 horas para os testes de antígeno. 

Basicamente, seja o Presidente ou não, a Santos seguiu as regras sanitárias e a lei, além de se mostrar como exemplo de que pandemia, protocolos e vacinação não são brincadeira.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!