Sportbuzz
Testeira
Futebol / PACIÊNCIA!

Após eliminação do Santos na Copa do Brasil, Carille comenta sobre chegada de reforços

Fábio Carille também comentou em relação a derrota do Santos na Copa do Brasil

Redação Publicado em 15/09/2021, às 14h18 - Atualizado às 14h33

Carille comentou sobre a eliminação do Santos e também em relação a chegada de reforços - Ivan Storti/Santos FC
Carille comentou sobre a eliminação do Santos e também em relação a chegada de reforços - Ivan Storti/Santos FC

Na última terça-feira, 14, o Santos não conseguiu reverter o placar adverso contra o Athletico-PR na Copa do Brasil, acabou saindo derrotado por 1 a 0 e foi eliminado da competição. Depois da partida, Fábio Carille concedeu uma entrevista coletiva e comentou sobre a eliminação, a contratação de novos jogadores, além de destacar que existe brecha para melhora. 

 

Começando pela possibilidade de ter um novo volante de marcação como reforço, Fábio Carille tratou de negar o tema. De acordo com o treinador do Santos, não existe nenhuma negociação em andamento e o comandante alvinegro fez questão de elogiar as peças que tem para a posição neste momento. 

"Nós vamos trabalhar em conjunto. Ainda não foi falado nada, desconheço qualquer conversa, com qualquer jogador. Se a diretoria tiver qualquer nome para me trazer, tentou me deixar tranquilo em relação aos dois jogos. Vamos ver o que vai acontecer nos próximos dias. Ainda estou avaliando", afirmou. 

Carille ainda seguiu dizendo que: "Logo, logo, temos o Jobson, um jogador interessante que tem uma saída de bola qualificada e uma marcação posicionado. Tem o Camacho que jogou muito bem contra o Bahia. Então junto com a diretoria vamos sentar, ver as necessidades, se tem, onde o clube pode chegar, para então pensar. Por enquanto não teve nada". 

Depois de comentar sobre a chance de ter novos reforços em seu elenco, Fábio Carille fez questão de analisar a eliminação do Santos para o Athletico-PR na Copa do Brasil. O comandante do Peixe defendeu seus atletas e também as respectivas atuações que tiveram na última terça-feira, 14. 

"A gente tentou, apesar de muitos desfalques. Os meninos se comportaram bem, como o Balieiro que precisou jogar de zagueiro. Temos jogadores para estrear, vão chegar para fortalecer, experientes, e isso vai ser bom para o momento. Sei que é um grupo jovem, mas temos que ir trabalhar de cabeça erguida amanhã. Com sabedoria e trabalho vamos conseguir sair dessa situação. Estou aqui há seis dias, sei de tudo isso, quero ser esse termômetro para os jovens limparem a cabeça e trabalhar bastante. O quanto antes vamos sair dessa situação", explicou.

Carille ainda valorizou alguns pontos importantes que viu no Santos: "Tem muitas coisas positivas, sim, apesar de três treinos. Uma organização melhor, melhorar a compactação, ainda acho que o time está muito longe, e isso requer tempo de trabalho. A chegada dos jogadores que o clube contratou vai ajudar, o Velásquez experiente, que vai me dar essa orientação atrás. Mas eu tenho um grupo bom".

"Com trabalho e organização vamos nos tornar muito fortes. A pressão na bola tem que ser melhor, já tem um entendimento, e com o tempo vai ser melhor. As trocas dos corredores, triangulações, aproximações, transições... Já houve, sim, uma evolução daquilo que penso, mas tem espaço para muito mais", completou.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!