Sportbuzz
Testeira
Futebol / EITA!

Santos: Carille desabafa sobre erros contra o Atlético-MG

Fábio Carille revelou o que o tem incomodado no Santos e analisou a derrota para o Atlético-MG como um alerta

Redação Publicado em 14/10/2021, às 15h49 - Atualizado às 16h11

Fábio Carille se mostrou irritado com os erros do Santos contra o Atlético-MG - GettyImages
Fábio Carille se mostrou irritado com os erros do Santos contra o Atlético-MG - GettyImages

Na última quarta-feira, 13, o Santos ficou próximo de conseguir uma grande vitória no Brasileirão. A equipe alvinegra saiu na frente do Atlético-MG, abriu o placar, mas viu a defesa falhar na bola parada, o Galo conseguir uma virada de 3 a 1 e sair com os três pontos do estádio do Mineirão

 

Em entrevista coletiva, logo depois da partida, Fábio Carille abriu o jogo sobre a atuação do Santos diante do Atlético-MG. O treinador do Peixe destacou alguns pontos positivos que o seu time teve durante os 90 minutos, mas desabafou sobre os erros defensivos, principalmente em bolas paradas. 

"A gente tem que assimilar esse golpe o quanto antes. Domingo já tem outra decisão. De qualquer forma, a bola aérea é algo que incomoda o Santos já há muito tempo, e hoje voltou a incomodar. Voltamos a falhar. Tínhamos nos comportado muito bem contra São Paulo e Grêmio. Hoje, falhamos. Sabíamos das dificuldades do jogo. Temos que assimilar o golpe o quanto antes que domingo já tem outra decisão", afirmou. 

Durante o jogo, o VAR fez algumas intervenções e o nível de concentração do elenco santista acabou caindo. Carille comentou em relação ao tema, porém deixou claro que não se pode atribuir a derrota do Peixe a arbitragem e voltou a destacar o que mais o incomoda nas partidas do Santos. 

"Nossa concentração tem que ser maior. Foi um jogo onde nos comportamos muito bem na questão defensiva. Achamos um gol e tomamos um logo na sequência. Uma bola que nós sabíamos, de frente. Tínhamos antecipado. Logo na sequência sai uma falta, eles cabeceiam na nossa área outra vez. Independentemente das paradas (pelo VAR) ou não, na hora que o jogo volta, a concentração tem que ser total. Não pode ser uma desculpa a questão de desconcentrar por causa da parada do VAR porque isso faz parte do futebol", seguiu.

Carille continuou analisando os erros do Santos: "O time tem que estar mais atento. Saber que em todos os jogos a concentração tem que estar lá em cima, ainda mais se tratando de um jogo decisivo. Estamos ali perto na tabela. Temos que pensar em subir, e para isso temos que estar mais atentos nos detalhes. É isso que eu vou pedir. Não posso reclamar nada de vontade e entrega dos jogadores. Desde o início correndo, lutando. Mas temos que ficar mais atentos às questões de concentração, de atenção".

"Temos que jogar um pouco mais, sim. Tem hora que estamos nos desfazendo da bola. Quero ter um controle melhor do jogo. É isso que eu tenho trabalhado. Em certos momentos a gente consegue isso, em outros nos desfazemos da bola muito rápido e ela fica com o adversário. Temos que ter esse sentimento de tristeza nesse momento, mas assimilar esse golpe o quanto antes para que a gente amanhã, de cabeça erguida, comece a preparação. Domingo temos outra decisão e é assim que a gente vai levar até o fim do campeonato", finalizou. 

Depois da derrota para o Atlético-MG, o Santos agora se prepara para enfrentar o Sport na próxima rodada do Brasileirão. O confronto será decisivo para as duas equipes, ambas lutam para não cair na competição e o jogo do próximo domingo, 17, será determinante para o futuro dos dois no campeonato.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!