Sportbuzz
Testeira
Futebol / COPA DO NORDESTE

Santa Cruz repudia atos de violência após eliminação e promete pagar prejuízo do estádio

Torcedores invadiram gramado e danificaram materiais da Arena de Pernambuco após partida contra o Floresta, na pré-Copa do Nordeste

Redação Publicado em 20/10/2021, às 20h13

Santa Cruz repudia atos de violência após eliminação e promete pagar prejuízo do estádio - Reprodução / Youtube / Copa do Nordeste
Santa Cruz repudia atos de violência após eliminação e promete pagar prejuízo do estádio - Reprodução / Youtube / Copa do Nordeste

O Santa Cruz se manifestou sobre os atos de violência da torcida após a eliminação para o Floresta, na seletiva da Copa do Nordeste. Em nota divulgada nesta quarta-feira, 20, o clube informou que vai cobrir as despesas com os prejuízos causados pela invasão no gramado da Arena Pernambuco. O Tricolor ainda revelou uma conselheira sofreu uma agressão.

No comunicado, o clube disse que respeita “a identificação da torcida” com o time, mas repudiou os atos e afirmou que “nada justifica atitudes violentas de agressões, seja contra jogadores do clube ou adversários, funcionários ou outros torcedores”. O caso será apurado e as devidas medidas serão tomadas.

Após cerca de 500 dias sem torcida no estádio, o Santa Cruz pôde contar com o apoio do público na disputa da fase prévia da Copa do Nordeste nesta terça-feira, 19. Porém, o resultado não foi o esperado pelos torcedores e nem pelo clube.

Com o empate em 3 a 3 no tempo normal, a disputa do Santa Cruz contra o Floresta-CE foi para as penalidades. Nela, a equipe visitante se deu melhor nas cobranças e faturou a vaga na próxima fase da competição ao vencer por 4 a 3.

Leia a nota do Santa Cruz na íntegra:

“O Santa Cruz Futebol Clube vem a público repudiar os atos de violência e de vandalismo ocorridos após a partida contra o Floresta, na Arena de Pernambuco.

Entendemos e respeitamos a identificação da torcida com o clube, porém nada justifica atitudes violentas de agressões, seja contra jogadores do clube ou adversários, funcionários ou outros torcedores.

O clube é ciente de suas responsabilidades sobre os danos materiais decorrentes dos atos de vandalismo, e comunicou à administração da Arena de Pernambuco que assumirá os custos da necessária reparação.

Especificamente sobre a agressão contra uma das nossas conselheiras, o clube está apurando o caso e tomará as devidas medidas estatutárias contra o agressor.”


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!