Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » COLETIVA!

Sampaoli abre o jogo sobre futuro no Atlético-MG e desabafa: "Se não ganho, serei o pior"

Treinador argentino ainda analisou mais um tropeço do Galo na temporada

Redação Publicado em 14/02/2021, às 08h21

Sampaoli segue com futuro indefinido no Atlético-MG
Sampaoli segue com futuro indefinido no Atlético-MG - GettyImages

Na noite deste sábado, 13, Atlético-MG e Bahia entraram em campo para disputar a 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. De um lado, o Galo buscava colar de vez na liderança. Do outro, o Tricolor de Aço sonhava com a vitória para escapar do rebaixamento.

Após sair na frente do placar, o Atlético-MG foi castigado pelos erros defensivos e acabou levando o empate do Bahia. Placar final: 1 a 1. Com o resultado, o Galo precisa torcer contra o Internacional na rodada para seguir com chance de título.

Logo após a partida, Sampaoli concedeu entrevista coletiva e analisou mais um tropeço na temporada. Agora, o Galo vive situação muito delicada na briga pelo título, já que está quatro pontos atrás do líder e tem apenas dois jogos para disputar.

“A partida onde o time tentou propor como sempre, com defesa do Bahia muito baixa, com contra-ataque rápido. Creio que na fase defensiva, o time não esteve de privar os contragolpes. Isso nos causou o gol de empate, de ter que buscar o arco rival com o rival com muita gente na área. O time teve muitas chances, mas lamentavelmente não pode fazer. E, em alguns aspectos, mostramos fragilidade com os espaços grandes, que nos gerou o gol e algum incômodo”, analisou Sampaoli.

Questionado também sobre o futuro da carreira, Sampaoli não deu muitos detalhes sobre a permanência no Atlético-MG. Ao comentar a questão, o argentino ainda criticou a relação dos clubes brasileiros com os treinadores.

“Futebol é muito instável, ainda mais nesse país. Treinador dura muito pouco. Não se consolidam os projetos”, falou.

“Não sei (se pode garantir a continuidade até o fim do ano), o futebol muda o tempo todo. Só penso no próximo jogo, vencer, tentar fazer que o time chegue mais na frente da tabela. O resto é indecifrável. Se você analisa com todos os treinadores no Brasil, é a instabilidade. Não sou diferente do resto. Se não ganho, serei o pior. Se ganhar, serei o melhor. Hoje, meu trabalho será avaliado pelos resultados. Não posso responder essa pergunta agora. Só sei que o time volta a trabalhar na segunda e tentará corrigir os erros para o próximo jogo”, concluiu Sampaoli.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!