Sportbuzz
Testeira
Futebol / FICOU FELIZ!

Ronaldinho Gaúcho revela que ficou feliz pela conquista da Copa América por Messi em cima do Brasil: "Faltava isso para ele"

Ídolo do Barcelona disse que ficou triste com a derrota do Brasil na Copa América, mas contente por Messi

Redação Publicado em 02/08/2021, às 07h33

Ronaldinho Gaúcho diz ter ficado feliz por Messi ter ganho a Copa América em cima do Brasil - GettyImages
Ronaldinho Gaúcho diz ter ficado feliz por Messi ter ganho a Copa América em cima do Brasil - GettyImages

A conquista da Copa América pela Argentina, em cima do Brasil, e ainda no Maracanã deixou os brasileiros tristes, mas Ronaldinho Gaúcho olhou pelo lado bom da história, e contou que ficou feliz pela vitória de Messi com a camisa da seleção, o primeiro título dele desse tipo.

Em entrevista concedida ao streamer espanhol Ibai Llanos, Ronaldinho Gaúcho revelou que sua felicidade em ver Messi conquistando a Copa América, mesmo que diante do Brasil, tem a ver com a vontade que o Argentino tinha de ter um troféu com a camisa de sua seleção.

"Fiquei triste porque Brasil perdeu, mas muito, muito feliz por Leo. Faltava isso para ele, ganhar algo pela seleção. Isso foi algo que me deixou muito contente. Ver os amigos felizes é algo que me deixa feliz também", contou Ronaldinho.

Esse carinho vai além da admiração futebolística de um com o outro. Ronaldinho Gaúcho e Messi jogaram juntos no Barcelona entre os anos de 2005 e 2008, época em que o brasileiro era o grande astro do time catalão.

Diante disso, Ronaldinho contou que apesar de não falar todos os dias com Messi, a amizade entre ambos é de muito respeito.

"Não somos de falar todos os dias, porque ele tem uma vida muito dura, uma vida que eu vivi por muitos anos, mas sempre que temos a possibilidade, conversamos e nos respeitamos muito", disse o ex-jogador.

Toda essa felicidade se deu porque Messi nunca tinha conquistado um título profissional com a Seleção Argentina, ganhando troféus apenas na base, e conquistando uma medalha de ouro nas Olimpíadas, junto com os jogadores até 23 anos.

Depois do título da Copa América, Messi destacou o tamanho da importância de levar o troféu para casa.

"É uma loucura, a felicidade que sinto é inexplicável. Tive que sair triste, mas sabia que em algum momento isso iria acontecer. Sinto que Deus estava guardando esse momento para mim, contra o Brasil na final e no seu país", disse o argentino depois da partida.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!