Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » CRAQUES ESTRANGEIROS

Relembre os melhores gringos que já jogaram no futebol carioca

Dando continuidade às nossas listas com os melhores jogadores estrangeiros que atuaram no país, hoje trazemos os clubes do Rio de Janeiro

Lucas Cesare Publicado em 09/04/2021, às 13h13 - Atualizado às 17h00

Arrascaeta, Seedorf e Conca foram três jogadores estrangeiros que escreveram seus nomes na história do futebol carioca
Arrascaeta, Seedorf e Conca foram três jogadores estrangeiros que escreveram seus nomes na história do futebol carioca - Getty Images

O futebol brasileiro, desde sempre, foi marcado pela presença de talentosos jogadores de diferentes partes do mundo. Atletas que têm excelentes passagens, ganham troféus e deixam muitas saudades em seus respectivos clubes.

A maioria dos craques estrangeiros que vem arriscar uma carreira no futebol brasileiro são provenientes de países latinos, como Argentina, Uruguai, Paraguai, entre outros.

Hoje, lembraremos os nomes de dez gringos que atuaram pelos principais clubes do estado do Rio de Janeiro. Para isso, foi levado em consideração a relevância do jogador para o time e os títulos ganhados por ele.

Lembrando que isto não é um ranking de quais jogadores foram os melhores, apenas uma lista com 10 grandes nomes e que está em ordem alfabética.

1- Clarence Seedorf

Seedorf teve uma passagem curta pelo Botafogo, entre 2012 e 2013, mas fez história com a camisa do Glorioso e deixou muitas saudades na torcida. O meio-campista holandês atuou por grandes clubes da Europa como Ajax, Real Madrid, Inter e Milan, mas veio pendurar as chuteiras no futebol brasileiro.

Muito forte e técnico, Seedorf, já com 36 anos, disputou 81 jogos com a camisa do Fogão e anotou impressionantes 24 gols, em duas temporadas no clube. Foi campeão carioca de 2013 e ainda ficou na seleção dos melhores do Brasileirão, no mesmo ano.

Seedorf veio encerrar a carreira no Botafogo, onde conquistou um Campeonato Carioca (Crédito: GettyImages)

 

2- Darío Conca

O meia argentino Darío Conca tem muita história no futebol carioca. Tendo jogado por Vasco, Fluminense e Flamengo, foi no Tricolor das Laranjeiras que o jogador se consagrou. Com duas passagens pelo clube, o jogador tem um total de 269 partidas disputadas, com 55 gols marcados e 63 assistências. Pelo Vasco disputou 50 partidas no ano de 2007, antes de se transferir ao rival, onde seria ídolo e pelo Flamengo, já no final de sua carreira, o jogador chegou a atuar durante, apenas, 27 minutos.

Se consagrou Campeão Brasileiro em 2012, pelo Fluminense e foi o eleito o melhor jogador da competição. No Flamengo, mesmo com chances mínimas, chegou a conquistar um Campeonato Carioca, em 2017, sem nem mesmo entrar em campo.

Conca foi o melhor jogador do Fluminense no título do Brasileirão 2012 (Crédito: GettyImages)

 

3- Dejan Petkovic

Petkovic, sem dúvidas, foi um dos maiores estrangeiros que já atuou, não só no futebol carioca, como no Brasil. O sérvio é, até hoje, o maior goleador estrangeiro da história do Campeonato Brasileiro, com 83 gols. No Rio, atuou no Vasco, Fluminense e no Flamengo, onde se tornou ídolo, eternizado pelo gol de falta em cima do Vasco, na final do Carioca de 2001 e por seus incríveis gols olímpicos (gol direto do escanteio).

Pet jogou durante aproximadamente nove anos por clubes cariocas, somando todas as duas passagens e por lá foi três vezes campeão carioca (2000 e 2001 pelo Flamengo e 2003 pelo Vasco) e uma vez campeão brasileiro (2009, pelo Flamengo).

Petkovic é o jogador estrangeiro com mais gols na história do Campeonato Brasileiro (Crédito: GettyImages)

 

4- Gatito Fernandez

Roberto Júnior Fernández Torres, mais conhecido como Gatito Fernández é um goleiro paraguaio, que atua pelo Botafogo. Com excelentes atuações pelo Fogão, o goleiro passa muita confiança a seus companheiros, principalmente por ser conhecido como um exímio pegador de pênaltis. O jogador está no clube desde 2017 e já disputou 150 partidas pelo Glorioso, sendo a equipe em que disputou mais jogos na carreira.

Muito afetado por lesões, o jogador acaba ficando longos períodos fora dos gramados. Mesmo assim, pelo Botafogo, já conquistou um Campeonato Carioca (2018), já afirmou que pretende fazer parte da reconstrução do clube após a queda para a série B na temporada passada.

Gatito Fernández é um dos estrangeiros com mais jogos na história do Botafogo (Crédito: GettyImages)

 

5- Edgardo Andrada

Edgardo Andrada, foi um goleiro argentino que jogou no Vasco de 1969 até 1975. Apelidado como El Gato, o jogador viveu a melhor fase de sua carreira no clube carioca, onde sagrou-se campeão carioca de 1970 e campeão brasileiro em 1974. Em 1971 foi eleito o melhor goleiro do Brasileirão daquele ano e em 1972 como o jogador do Vasco do ano.

O argentino também é muito lembrado por ter sofrido o milésimo gol de Pelé. Faleceu no dia 4 de setembro de 2019, aos 80 anos.

6- Giorgian de Arrascaeta

O uruguaio Giorgian de Arrascaeta, assim como todos os jogadores do atual elenco do Flamengo, já escreveu seu nome na história do clube. Chegou ao rubro-negro em 2019 e já disputou um total de 103 jogos, anotando 32 gols e mais 33 assistências. Junto de Gabigol e Bruno Henrique, forma o trio de ataque mais goleador do país.

No Brasil, também atuou pelo Cruzeiro, onde venceu um Campeonato Mineiro (2018) e duas Copas do Brasil (2017 e 2018). Mas desde sua chegada ao clube carioca não para de colecionar títulos. Já conquistou uma Libertadores da América (2019), dois Cariocas (2019 e 2020), dois Brasileiros (2019 e 2020), uma Recopa Sul-Americana (2020) e uma Supercopa do Brasil (2020).

O uruguaio Arrascaeta é um dos principais nomes do elenco atual do Flamengo (Crédito: GettyImages)

 

7- Loco Abreu

Sebastián Abreu, mais conhecido como Loco Abreu, é um atacante uruguaio que atuou pelo Botafogo de 2010 a 2012. O jogador atualmente tem 44 anos e ainda está em atividade, possuindo o recorde de jogador que mais defendeu clubes diferentes no mundo como profissional. Recebeu o apelido de El Loco na infância, ainda nas categorias de base do Nacional. É muito lembrado por sua frieza na hora de cobrar pênaltis, quando costumava bater com a famosa ‘cavadinha’.

Jogou no Botafogo durante três anos, disputando 105 jogos com a camisa alvinegra e anotando 73 gols. Pelo clube, sagrou-se campeão carioca de 2010, ao vencer a Taça Guanabara e a Taça Rio daquele ano. Também venceu a Taça Rio de 2012, mas o título estatual acabou ficando com o Fluminense naquela ocasião.

Loco Abreu bateu de 'cavadinha' o pênalti que classificou o Uruguai para a semifinal da Copa de 2010 (Crédito: GettyImages)

 

8- Martín Silva

O goleiro uruguaio defendeu o Vasco de 2014 a 2018, vestindo a camisa do clube em 243 oportunidades, sendo um dos jogadores estrangeiros que mais jogaram pelo Gigante da Colina. Foi rebaixado junto com o clube em 2015, mas permaneceu e ajudou a equipe a voltar para a elite do futebol nacional no ano seguinte.

Pelo Vasco,Martín Silva foi Bicampeão Carioca, em 2015 e 2016, além de ter feito parte da Seleção do Estadual entre 2014 e 2017. O goleiro também foi eleito como o melhor jogador do Vasco por dois anos seguidos, em 2016 e 2017.

O uruguaio Martín Silva foi um dos principais jogadores estrangeiros da história recente do Vasco (Crédito: GettyImages)

 

9- Pablo Marí

Pablo Marí é um zagueiro espanhol que atualmente defende o Arsenal, da Inglaterra. Atuou pelo Flamengo entre 2019 e 2020 e fez parte do incrível grupo, comandado pelo técnico português Jorge Jesus, que entrou na história ao ser campeão da Copa Libertadores da América e do Brasileirão de 2019, com campanhas impressionantes e apresentando um futebol de encher os olhos.

Foi o primeiro jogador espanhol a marcar um gol na Libertadores e apenas o terceiro europeu a vencer o torneio. Muito técnico e um líder dentro de campo, após as conquistas com o Flamengo, o zagueiro chamou a atenção do futebol inglês, onde joga atualmente.

Pablo Marí foi um dos pilares do Flamengo nas conquistas da Libertadores e do Brasileirão 2019 (Crédito: GettyImages)

 

10- Romerito

Julio César Romero, mais conhecido como Romerito, foi um meio-campista paraguaio, ídolo do Fluminense. Considerado por muitos em seu país, como o melhor jogador paraguaio de todos os tempos, pela sua técnica refinada aliada a raça com que se entregava às partidas.

Jogou pelo Fluminense de 1983 até 1988, disputando 211 partidas e marcando 59 gols, antes de se transferir ao Barcelona. Pelo Tricolor das Laranjeiras sagrou-se campeão brasileiro (1984) e bicampeão carioca (1984 e 1985).

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!