Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » EMOCIONANTE!

Real Madrid: Sergio Ramos dedica título da La Liga para vítimas do COVID-19: “Vírus maldito!”

Capitão dos Merengues fez questão de lembrar dos torcedores que passaram por momentos difíceis

Pedro Ungheria Publicado em 17/07/2020, às 08h07

Zinedine Zidane e Sergio Ramos
Zinedine Zidane e Sergio Ramos - GettyImages

Na última quinta-feira, 16, a vitória do Real Madrid contra o Villarreal por 2x1 deu aos Merengues mais um título da La Liga. Com os três pontos conquistados, os comandados de Zinedine Zidane chegaram aos 86 pontos e não podem ser batidos, afinal, resta apenas um jogo e o vice-colocado, Barcelona tem apenas 79 pontos.

Ao fim da partida, o elenco levantou a taça e fez todo o protocolo de comemoração, afinal, foi uma verdadeira arrancada heróica por parte do Real, que viu o Barcelona liderar boa parte do torneio e, mesmo assim, seguiu insistentemente na briga pelo título.

Comemorando este espírito vencedor do grupo, o capitão Sergio Ramos fez questão de deixar um recado bem emocionante nas redes sociais.

Com a taça na mão, o zagueiro fez uma breve reflexão, onde dizia que tudo na vida precisa ter vontade para vencer, assim como eles tiveram. Depois de celebrar mais um caneco com a camisa do Real, ele também fez questão de relembrar todas as vítimas do COVID-19 e dedicou o título para as mesmas.

“Estou muito orgulhoso deste título. A vitória, tanto no futebol, quando na vida, chega-se assim: lutando juntos até o final. Gostaria de lembrar, em especial, de todos os nossos torcedores que foram vítimas, ou perderam pessoas queridas por conta deste maldito vírus. Essa é para vocês”, desabafou o ídolo.

O Jogo: 

Nesta quinta-feira, 16, o Real Madrid fez história e alcançou seu 34º título espanhol, após vencer o Villarreal. Com a vitória, o time de Zinedine Zidane conquistou a marca de dez vitórias consecutivas no retorno do Campeonato Espanhol, após o período de paralisação devido ao novo coronavírus. 

Para ser campeão, os merengues dependiam apenas de seus próprios esforços e necessitavam de uma vitória simples. Para que isso acontecesse, Zidane entrou com um time ofensivo e surpreendeu a todos com sua escalação. 

Montando a equipe num 4-3-3, o Real Madrid foi a campo com: Courtois; Carvajal, Varane, Sergio Ramos, Mendy; Casemiro, Kroos, Modric; Hazard, Rodrygo e Benzema.

Já os visitantes, buscando uma vaga para Europa League, entraram com o que tinham de melhor para o confronto: Asenjo; Gaspar, Chakla, Torres, Quintilla; Chukwuenze, Anguissa,  Gomez, Morlanes e Ruben Peña; Gerard Moreno.

Precisando da vitória, o Real Madrid buscou ser ofensivo desde o primeiro minuto da partida. A veloz equipe, montada por Zidane, criou boas oportunidades ao longo da etapa inicial e não demorou muito para chegar ao primeiro gol no confronto. 

Mas antes de balançar as redes, os merengues perderam algumas boas chances com Benzema e também com Modric. Ambos arriscaram bons chutes, porém acabaram parando nas grandes defesas de Asenjo. 

No entanto, aos 29 minutos, Casemiro roubou a bola no campo de defesa do Real Madrid e tocou para Modric. O croata conduziu a bola até a entrada da área adversária e rolou a bola para Benzema. O francês nem dominou e emendou uma bomba para fazer 1 a 0 e se tornar o quinto maior artilheiro da história merengue. 

O segundo tempo do Real Madrid iniciou da mesma forma que o primeiro. A equipe buscou o ataque e quase ampliou a diferença no placar com Carvajal. O lateral fez fila pela direita, arriscou o chute e viu Asenjo fazer uma excelente defesa. 

Na sequência, Sergio Ramos rouba a bola a bola no meio de campo, arranca com ela e chega na área. Por lá, o espanhol toca para Vinícius Júnior, mas depois do toque, o zagueiro acaba sendo empurrado e o juiz marca a penalidade para o Madrid. 

Na primeira oportunidade, o defensor surpreendeu a todos e rolou a bola para Benzema. O francês entrou na área e fez o gol, porém antes de tocar nela, ele acabou invadindo a área e o VAR mandou o lance voltar. 

Depois de voltar a cobrança da penalidade, Benzema pediu para bater, Sergio Ramos deu a bola para o atacante e ele bateu com segurança para fazer 2 a 0. Com o seu segundo gol na partida, o francês chegou a 21 tentos e se igualou com Messi na disputa pela artilharia da competição. 

No entanto, o Villarreal não estava morto em campo e diminuiu o placar depois de Iborra aproveitar um belo cruzamento de Mario Gaspar. O meia-atacante subiu mais que todos e balançou as redes no final da partida.   

Mesmo se consagrando campeão, o Real Madrid ainda tem mais uma partida para realizar no Campeonato Espanhol. Em ritmo de festa, a equipe de Zidane vai visitar o Leganés e deve poupar alguns jogadores para ir com força máxima no retorno da oitavas de final da Champions League. 

Com o título, o time merengue alcança uma marca importante em sua história. Essa foi a 34ª vez que o Madrid vence o Campeonato Espanhol e, com isso, abre vantagem de oito troféus para o Barcelona, que possui 26. Sendo assim, o Real mantém o posto de maior campeão nacional, deixando seus principais rivais para trás.


5 itens que os torcedores do Real Madrid vão amar

1- Mochila G Sport Real Madrid - https://amzn.to/2BAyFO7

2- Caneca Scandinavia Real Madrid - https://amzn.to/31DrYp5

3- Livro Maquete 3D Estádio Real Madrid Bernabéu - https://amzn.to/2WbfsMC

4- Placa Decorativa Real Madrid - https://amzn.to/32QuM3P

5- Boné Real Madrid  - https://amzn.to/2BEbjXO

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!