Sportbuzz
Testeira
Futebol / ESCLARECENDO!

Presidente do PSG abre o jogo, e diz se Pochettino está feliz

Mandatário do PSG quebrou o silêncio sobre a possibilidade de Pochettino deixar o comando da equipe durante a premiação da Bola de Ouro, e ainda falou sobre o que acha de Zidane

Redação Publicado em 30/11/2021, às 15h47

Pochettino, treinador do PSG - GettyImages
Pochettino, treinador do PSG - GettyImages

Não teve jeito, nas últimas semanas só se falava sobre a possibilidade de Pochettino deixar o comando do PSG e seguir para assumir o Manchester United. De acordo com os veículos locais, o clube já estaria se programando caso essa informação se confirmasse, e teria escolhido Zinedine Zidane como o substituto ideal.

Em meio a essas especulações, Nasser Al-Khelaifi, presidente do PSG decidiu quebrar o silêncio sobre a situação do treinador na equipe. Durante a premiação da Bola de Ouro, que rendeu o sétimo troféu da carreira para Lionel Messi, o mandatário revelou que jamais foi atrás de Zidane, além de ter reforçado todo seu apoio a Pochettino.

 

"Não temos contato, mesmo que ele seja um técnico de ponta", contou.

"Ele (Pochettino) está aqui, estamos muito felizes. Está fazendo um bom trabalho. Precisamos de tempo também. Não quero falar sobre os rumores ainda", apontou.

De agora até pelo menos o final da temporada, o treinador argentino deve ficar no comando do Parque dos Príncipes. Isso porque recentemente o Manchester United anunciou Ralf Rangnick como o técnico interino da equipe até o término da temporada 2021-22. Assim, as possíveis negociações com Pochettino só aconteceriam no próximo ano.

Palavras do diretor

Nesta semana, não se falou em outra coisa além da especulação envolvendo uma possível saída de Mauricio Pochettino do PSG, rumo ao Manchester United, e uma tentativa da equipe parisiense de contratar Zidane para ficar no comando. Para esclarecer alguns pontos, o diretor esportivo do clube francês, Leonardo veio a público nesta sexta-feira, 26.

Em declaração à agência "AFP", Leonardo quis afastar de vez os rumores que estão rondando o Parque dos Príncipes, e ainda deixou claro que o clube não está negociando com Zidane, e também que não foi acionado por nenhuma outra equipe interessada na contratação de Mauricio Pochettino para a próxima temporada.

"Não queremos que Pochettino saia. Ele nunca pediu para sair, e nenhum clube entrou em contato sobre ele. Temos muito respeito por Zinedine Zidane, pelo que fez como jogador e técnico, mas posso dizer claramente que não há contato e não há reunião com ele", disse o dirigente.

Inclusive, no último domingo, 21, foi especulado o possível efeito dominó que teria começado no Manchester United e afetaria o PSG, quando Ole Gunnar Solskjaer foi demitido do comando do clube inglês. A imprensa local começou a considerar diversos candidatos para treinar os Reds, mas quase todos já comandam algum time atualmente, sendo Mauricio Pochettino, Erik Ten Hag, Luis Enrique, além do próprio Zidane, que hoje está sem clube.

No entanto, nos dias seguintes, o comandante do PSG foi ganhando força no cargo, já que ele seria bem-visto pela diretoria do clube inglês. Inicialmente, o argentino seria um nome para assumir o United somente na próxima temporada, mas por conta de uma possível insatisfação de Pochettino com a diretoria do PSG poderia fazer com que o argentino aceitasse deixar o atual elenco e fosse imediatamente para a Inglaterra.

Pochettino, treinador do PSG comandando a equipe (Crédito: GettyImages)

 

Porém, para que isso acontecesse, o United teria que pagar uma compensação financeira para os franceses. Nesse meio tempo, a imprensa europeia começou a especular sobre uma suposta vontade do próprio PSG de ver Pochettino deixando o comando da equipe depois de um começo pouco empolgante. A diretoria estaria vendo na saída do argentino a oportunidade de ir atrás de Zidane, que é um antigo sonho do clube.

Mas a reviravolta veio nesta sexta, quando diversos veículos da Inglaterra indicaram que o United estaria perto de anunciar a contratação de Ralph Rangnick para o comando interino da equipe até o fim da atual temporada. Ele ficaria no clube como diretor técnico por mais dois anos, comandando um projeto esportivo, que contaria com um novo treinador somente a partir de 2021/22.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!