Sportbuzz
Testeira
Futebol / COMPLICADO

Presidente do Grêmio lamenta rebaixamento: "Momento triste"

Romildo Bolzan classificou o momento do Grêmio como "humilhante", e admitiu a necessidade de mudanças no clube para a próxima temporada, que será disputada na Série B

Redação Publicado em 10/12/2021, às 07h01

Romildo Bolzan Júnior, presidente do Grêmio durante entrevista coletiva - Lucas Uebel / Grêmio FBPA / Flickr
Romildo Bolzan Júnior, presidente do Grêmio durante entrevista coletiva - Lucas Uebel / Grêmio FBPA / Flickr

Ainda que tenha vencido o Atlético-MG em casa pela última rodada do Brasileirão por 4 a 3, o resultado não foi suficiente para deixar o Grêmio na Série A da competição nacional. Por conta dos resultados dos outros times, que jogaram no mesmo horário, a equipe Tricolor teve seu rebaixamento confirmado ao apito final das partidas desta quinta-feira, 9.

Canal - SportBuzz

Depois da queda para a Série B, Romildo Bolzan Júnior, presidente do Grêmio deu sua primeira declaração pública, onde avaliou a temporada, os erros da atual gestão, mas também evitou projetar as mudanças que precisam ser feitas na comissão técnica, grupo de jogadores e na direção para a temporada de 2022.

Na entrevista coletiva concedida, o mandatário Tricolor pediu desculpas ao torcedor e também reconheceu a culpa que a direção tem pelo resultado ruim, além de lamentar bastante o ponto que o clube chegou nesta temporada da competição. Em uma outra resposta, Romildo Bolzan classificou o momento do Grêmio como "humilhante".

"Temos que fazer um pedido de desculpas, momento triste para todos nós. Momentos que nos impõe enorme responsabilidade. Não com terra arrasada, recolocar o Grêmio no seu lugar. Fazer uma subida novamente pra elite. Faremos com vigor, perseverança, organizar tudo isso e organizar também a nossa volta. Se tiver evidentemente culpados, poderemos dissecar", disse.

Jogadores do Grêmio reunidos em campo antes da confirmação do rebaixamento (Crédito: Lucas Uebel / Grêmio FBPA / Flickr)

 

Romildo ainda contou que o Conselho de Administração do clube se juntou para analisar os fatores que fizeram com que o Grêmio chegasse em tal situação. O presidente lembrou os casos de coronavírus que afetaram o elenco ao longo do campeonato, e colocou esse fator como um dos principais para o terceiro rebaixamento do Tricolor.

"Fizemos uma transição e um azar antológico da pandemia que comprometeu muito o desempenho. A prova que o plantel não era fraco, acabou reagindo. Fizemos um desempenho que no segundo turno daria uma boa colocação", analisou.

O mandatário ainda indicou que a mudança no Grêmio vai começar pelo vestiário, apesar de ter elogiado seus jogadores, o presidente admitiu a necessidade de fazer mudanças nesse departamento para 2022. Romildo ainda informou que as primeiras novidades para a próxima temporada serão anunciadas em breve.


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!