Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » RECADO!

Presidente do Boca Juniors acusa Atlético-MG e manda recado ao River Plate; entenda!

Boca Juniors está eliminado, mas promete estar atento ao jogo entre Atlético-MG e River Plate

Redação Publicado em 22/07/2021, às 17h47

Presidente do Boca Juniors segue engasgado com o Atlético-MG
Presidente do Boca Juniors segue engasgado com o Atlético-MG - GettyImages

Mesmo após alguns dias da eliminação, o Boca Juniors segue lamentando a derrota para o Atlético-MG. Com muitas reclamações sobre a arbitragem, o clube argentino vem protestando de diversas maneiras nos últimos dias.

Agora, o protesto veio através de uma entrevista do presidente Jorge Ameal. Em contato com a ESPN Argentina, o dirigente do Boca Juniors voltou a criticar a atuação da arbitragem e acusou o Galo de ter alguma “relação com o poder”.

 

“Este time deve ter alguma relação com o poder. Fica evidente pelo que passou no primeiro jogo e ontem (terça). Com pessoas e árbitros diferentes, ocorreu a mesma coisa duas vezes”, iniciou Ameal.

Ainda na mesma entrevista, Jorge Ameal deixou um recado ao rival River Plate, que será o adversário do Atlético-MG nas quartas de final da Libertadores. Segundo ele, a sensação é que o Boca foi roubado.

Que tenham cuidado quando viajem para enfrentar o Mineiro. Sentimos que nos roubaram, foi o que todos viram. Todos os jornalistas opinam o mesmo sobre o prejuízo que o Boca teve. Nossos jogadores ficaram 12 horas em cima do ônibus com suas famílias perguntando o que ia acontecer”, projetou o dirigente, que emendou:

Jogamos contra o time que, diziam, era o melhor da América do Sul. Ganhamos os dois jogos (Boca teve um gol anulado no primeiro jogo e outro no segundo) e não nos classificamos”.

DIRIGENTE DO GALO FALA!

Diante de toda a polêmica, o dirigente Rodrigo Caetano concedeu entrevista coletiva na tarde de quarta-feira, 21, e falou sobre toda a confusão causada pelos argentinos na Libertadores. Questionado sobre uma possível retaliação, o diretor negou acreditar na possibilidade.

A gente espera, independentemente de ser Argentinos Juniors ou River Plate, que tenhamos o jogo transcorrendo dentro do campo. Esperamos que o que aconteceu ontem, tenha se encerrado ontem”, falou Caetano.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!