Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » SELEÇÃO BRASILEIRA

Pia Sundhage comemora vitória da Seleção Feminina e explica substituições "É importante dar oportunidades"

Técnica sueca venceu nesta terça-feira, 8, o amistoso contra a Polônia

Mariana Millan Publicado em 09/10/2019, às 07h51

Pia Sundhage fala sobre bom desempenho da Seleção Feminina e mira as Olimpíadas
Pia Sundhage fala sobre bom desempenho da Seleção Feminina e mira as Olimpíadas - Getty Images

Nesta terça-feira, 8, a seleção brasileira feminina venceu a Polônia pelo placar de 3 a 1, fora de casa, em Kielce. O amistoso foi o quarto teste da nova treinadora Pia Sundhage e os resultados são positivos. A sueca permanece invicta no comando do Brasil e continua a preparação para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. Os gols foram marcados por Formiga, Tamires e Debinha. A seleção da casa descontou com Mesjasz.

Mais uma vez, Pia testou diversas jogadoras na partida, sendo seis mudanças em relação ao último jogo. 

Em entrevista coletiva após a partida, a técnica comemorou o bom desempenho da equipe e explicou as substituições.

"Essas atletas que entraram fizeram a diferença. No jogo de hoje nós precisávamos dar mais velocidade ao ataque, e isso aconteceu tanto contra Inglaterra quanto contra a Polônia. Precisamos mudar um pouco mais as posições no ataque. Na defesa, nas transições entre ataque e defesa, precisamos estar mais organizadas e, claro, vamos trabalhar isso", afirmou ela.

Em seguida, Pia falou sobre as preparações para os Jogos Olímpicos 2020, em Tóquio. 

"Eu acho que é importante dar oportunidades, porque na nossa caminhada até a Olimpíada, que é o que estamos projetando, elas precisam ter jogado, por exemplo, por 45 minutos ou aproximadamente. Ou então quando entrarem tentarem fazer algumas mudanças no jogo. É claro que vou continuar acompanhando todas as jogadoras que convocamos, ainda teremos muitos jogos por vir", analisou ela.

SOBRE O JOGO

O Brasil abriu o placar logo aos oito minutos. A craque Formiga cabeceou firme para colocar o time em vantagem. Porém, depois do gol, o time brasileiro não conseguiu manter o forte ritmo do início da partida e teve muitas dificuldades nas criações das jogadas.

Pelo lado polonês, a centroavante Ewa Pajor era quem mais levava perigo à meta brasileira. A goleira Bárbara fez boas defesas para segurar o resultado. Já na segunda etapa, Pia realizou algumas alterações que surtiram efeito. Debinha entrou muito bem no jogo e ajudou o Brasil a controlar o placar.

Aos três minutos da etapa final, Tamires ampliou o marcador e deu mais tranquilidade para a equipe, mas oito minutos depois, a Polônia conseguiu diminuir o placar e deu um susto na torcida brasileira. O time feminino sentiu o gol e, por pouco, não sofreu o empate.

A partida estava complicada, até que, Ludmila fez bela jogada individual e deixou Debinha livre para dar números finais ao jogo, aos 33 minutos. Esse foi um importante resultado para o Brasil, já que, havia vencido a forte Inglaterra no último sábado, 5, pelo placar de 2 a 1.

A rainha Marta participou do jogo por mais minutos, mas não teve um rendimento parecido com o que pode oferecer. Foi substituída aos 36 minutos do segundo tempo.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!