Sportbuzz
Testeira
Futebol / EITA!

Palmeiras x Santos: Abel Ferreira afirma que pode usar "sub-17 ou 20" em clássico e detona FPF

Partida entre Palmeiras e Santos é decisiva para os dois times e Abel Ferreira promete luta pela classificação

Redação Publicado em 05/05/2021, às 12h10 - Atualizado às 13h08

Palmeiras e Santos se enfrentam pelo Paulistão e Abel Ferreira deve poupar no clássico - Cesar Grecco/Palmeiras
Palmeiras e Santos se enfrentam pelo Paulistão e Abel Ferreira deve poupar no clássico - Cesar Grecco/Palmeiras

Palmeiras e Santos vivem situação delicada no Campeonato Paulista e se enfrentam nesta quinta-feira, 6, pela penúltima rodada do estadual. No entanto, o Verdão, que precisa da vitória para avançar para as quartas de final, deve entrar com o time sub-17 ou 20 no clássico, pelo menos é o que afirmou Abel Ferreira. 

 

O comandante palestrino concedeu uma entrevista coletiva, depois da vitória diante do Defensa y Justicia pela Libertadores, comentou sobre a partida decisiva contra o Santos. De acordo com o comandante português, o Palmeiras deverá a ir em campo com um time de garotos para o confronto do estadual. 

"Se contra o Santos tivermos que entrar com o sub-17, vamos com o sub-17, ou com o sub-20. Vamos dar o nosso melhor no Paulista, foi isso que prometemos. Temos 24 horas para preparar cada jogo, já falamos o que significa para nós o Paulista. Sei que muita gente fala da nossa organização, mas não controlamos a pandemia e nem temos culpa de a cada três dias fazer dois jogos", afirmou. 

Abel Ferreira ainda seguiu: "Temos de dar prioridade às competições. Vamos fazer o que for possível no Paulista, vamos lutar com a melhor equipe, percebendo que os jogadores que jogaram hoje não podem jogar daqui a dois dias. Temos lesionados que são fruto do calendário, da pandemia, da organização dos jogos que não tem nada a ver com a organização do treinador ou da estrutura do Palmeiras, que quer entrar em todas competições para vencer".

O comandante do Palmeiras também aproveitou o espaço para criticar a Federação Paulista de Futebol e relembrou do episódio do clássico contra o Corinthians, quando a equipe pediu para mudar de data o confronto contra o Timão e a entidade não atendeu ao pedido. 

"Começou quando fomos jogar contra o Corinthians, quando pedimos para adiar e não adiaram o jogo. É bom falar isso. Pedimos para não meter o jogo do Corinthians no meio da (final da) Copa do Brasil e ninguém quis saber de nada. Quando a própria organização não quer saber do Paulista, temos de priorizar. Vamos fazer o nosso melhor. Se der para ganhar, ganhamos; se não der para ganhar, seguimos em frente", completou.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!