Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » MUNDIAL DE CLUBES

Palmeiras é derrotado pelo Tigres e cai na semifinal do Mundial de Clubes

Weverton se destaca no primeiro tempo, Palmeiras sofre gol no início da segunda etapa e cai na semi da competição

Redação Publicado em 07/02/2021, às 16h55 - Atualizado às 17h00

Palmeiras e Tigres-MEX se enfrentaram
Palmeiras e Tigres-MEX se enfrentaram - Reprodução/ SporTV

O Palmeiras não está na decisão do Mundial de Clubes.  O Verdão foi derrotado por 1 a 0 pelo Tigres-MEX neste domingo, 07, no estádio Cidade da Educação, e caiu na semifinal da competição. De pênalti, o atacante Gignac marcou para o time mexicano e garantiu a classificação inédita à final. 

O goleiro Weverton se destacou no primeiro tempo ao protagonizar três grandes defesas: duas finalizações de Gignac e uma de González. A melhor chance do Palmeiras na etapa inicial foi aos 17 minutos, em chute de fora de Rony. No rebote, Gabriel Menino mandou para fora, mas a arbitragem assinalou impedimento no lance.

O jogo ficou mais movimentado no segundo tempo. Logo aos seis minutos, de pênalti, Gignac abriu o placar para o Tigres. Após o gol, o Palmeiras melhorou e acelerou o passe, mas a única vez que balançou a rede, foi marcado impedimento. O Verdão não se entregou e passou a ter mais chances no final da partida, mas foi parado pela defesa mexicana. 

O Tigres agora vai enfrentar o vencedor de Bayern de Munique e Al Ahly, que disputam a outra semifinal nesta segunda-feira, 08, às 15h (de Brasília). Quem perder, enfrenta o Palmeiras na disputa pelo terceiro lugar na próxima quinta-feira, 11. 

O JOGO

Protagonista do primeiro tempo, o goleiro Weverton fez uma grande defesa logo no início da partida. Aos três minutos, o arqueiro palmeirense defendeu no reflexo uma cabeçada de González. Em chegada pela esquerda, o atacante do Tigres ganhou no alto de Luan e desviou de cabeça. Atento no lance, Weverton se esticou e evitou o gol da equipe mexicana.

A chance do Verdão veio aos 17 minutos. Viña mandou para Rony que, com liberdade, arriscou de longe. O goleiro Guzmán fez uma bela defesa e, no rebote, Gabriel Menino chutou livre na área, mas para fora. Havia impedimento no lance.

Aos 20 minutos da primeira etapa, Gignac e Abel Ferreira se desentenderam. O técnico reclamou de um empurrão do francês em Luan. Outros jogadores do Tigres se aproximaram, mas o técnico evitou o bate-boca.

Weverton voltou a brilhar aos 33 minutos da primeira etapa. No lance, Gignac recebeu de Quiñones e chutou para o gol, forçando outra grande defesa fundamental do camisa 1.

Três minutos depois, o arqueiro salvou o que seria o gol do Tigres em uma cabeçada perigosa de Gignac, no canto esquerdo.

No primeiro tempo, foram três finalizações do Tigres contra uma do Palmeiras, com 59% de posse de bola para o time mexicano.

Aos seis minutos do segundo tempo, Luan puxou González dentro da área e a arbitragem marcou o pênalti. Gignac foi para a cobrança e bateu firme no canto direito de Weverton, que saiu bem e quase fez a defesa. Tigres abre o placar: 1 a 0.

No lance seguinte, em nova chegada do Tigres, González caiu na área e reclamou de mais um pênalti. Atenta ao lance, a arbitragem mandou seguir a partida.

O Palmeiras chegou a balançar a rede aos 11 minutos do segundo tempo. Em jogada aérea de Raphael Veiga para Gustavo Gómez, o zagueiro cruzou para Viña e a bola sobrou para Rony empurrar para o gol. A arbitragem, no entanto, anulou o gol por impedimento.  

O Palmeiras ainda teve duas jogadas de ataque seguidas anuladas por impedimento. Aos 21, Luiz Adriano recebeu cruzamento de Felipe Melo, e Rony recebeu longo lançamento.

Aos 31 minutos, o Palmeiras teve uma grande chance de empatar, com Luiz Adriano. Em velocidade, Willian recebeu bom passe de Mayke pela direita e cruzou rasteiro para o atacante, livre na área, tentar desviar. A bola bateu em Rodríguez antes de ir para a linha de fundo, passando muito perto do gol de Guzmán.

Em outra chegada, aos 38 minutos, Willian recebeu em profundidade e passou para Luiz Adriano, que chutou de primeira, mas a bola subiu muito acima da meta de Guzmán.

Aos 43, Gustavo Scarpa fez o cruzamento e quase encontrou Rony. A bola pigou no gramado e a bola sobrou para a defesa de Guzmán. No minuto seguinte, Scarpa recebeu, dominou e arriscou da entrada da área, mas o zagueiro do Tigres travou o chute.

Nos acréscimos, o Palmeiras foi todo ataque para buscar o empate e forçar a prorrogação, mas não conseguiu encontrar o gol. Com desempenho abaixo do esperado, o time de Abel Ferreira foi eliminado na semifinal do Mundial de Clubes. 

 

 


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!