Sportbuzz
Testeira
Futebol / EITA!

Messi surpreende e revela frustração com empate entre Argentina e Brasil

Messi esteve em campo no clássico entre Argentina e Brasil, mas não conseguiu deixar sua marca e viu o jogo terminar em 0 a 0

Redação Publicado em 17/11/2021, às 16h56 - Atualizado às 17h08

Messi não saiu satisfeito com empate entre Argentina e Brasil - GettyImages
Messi não saiu satisfeito com empate entre Argentina e Brasil - GettyImages

Messi não saiu satisfeito com o desempenho da Argentina contra o Brasil. Em entrevista coletiva, depois da partida, o craque do PSG demonstrou grande insatisfação com o empate e garantiu que a equipe albiceleste poderia ter vencido a Seleção Brasileira na última terça-feira, 16. 

 

De acordo com Messi, sempre é possível pensar na vitória e conquistá-la. O craque da seleção argentina deixou claro que gostaria de ter tido um resultado melhor contra o Brasil: “Sempre percebemos que poderíamos. Estávamos convencidos de que poderíamos vencer. Nós tentamos. Desta vez não pudemos”. 

Ainda segundo o craque da Argentina, a Seleção Brasileira ofereceu espaços no final do jogo, mas os donos da casa não souberam aproveitar os vacilos defensivos do time de Tite: "Nos últimos minutos houve mais correria porque jogaram no contra-ataque e encontramos espaços. Não foi possível vencer. O importante é que continuemos bem e não perdemos. Continuamos crescendo".

Messi não teve uma grande exibição e participou pouco da partida, apenas levou perigo num chute que obrigou Alisson a trabalhar na parte final do jogo. Questionado em relação a sua forma física, já que chegou lesionado do PSG para a data-Fifa, o atacante revelou que estava bem e que isso não interferiu em seu rendimento.

"A realidade é que cheguei bem, faltava ritmo. Estou bem, senão não teria jogado. É difícil, estou parado há muito tempo e um jogo com ritmo com o Uruguai, este jogo (Brasil), não é fácil. Estou bem, aos poucos vou ganhando ritmo e espero terminar bem o ano", seguiu explicando. Por fim, o atacante fez um última análise do clássico entre Argentina e Brasil e mirou na Copa do Qatar. 

"Sabíamos que sempre é difícil jogar contra o Brasil, que ia ficar preso e com muita pegada. Foi difícil jogar. O importante é que continuemos bem, que não perdemos e continuemos crescendo. Espero que na próxima data possamos classificar já definitivamente, mas estamos bem pertinho", finalizou.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!