Sportbuzz
Testeira
Futebol / ELENCO BILIONÁRIO!

Menin projeta 2022 do Atlético-MG e revela valor do elenco; confira!

Menin, conselheiro grande-benemérito do Atlético-MG ainda comemorou o ano do clube, e disse que o objetivo é que em 2022 não precise de empréstimos

Redação Publicado em 26/12/2021, às 13h15

Jogadores do Atlético-MG, que tem Menin como investidor - GettyImages
Jogadores do Atlético-MG, que tem Menin como investidor - GettyImages

Sendo um dos principais financiadores do Atlético-MG, que ajudou a tirar o clube de uma possível crise, Rubens Menin comemorou as conquistas do clube em 2021, mas agora já mudou a chavinha, e participa ativamente do planejamento de 2022 do Galo. Em entrevista ao site "GE", o conselheiro revelou que a previsão é de que o clube não tenha empréstimos no ano que vem.

"Em 2022, não será necessário nenhum empréstimo, porque o grosso dos problemas já foi sanado. E em 2023 teremos nossa arena, que aumentará ainda mais nosso orçamento. Sou muito otimista, mas muito realista. Vejo um caminho sensacional para o Atlético", projetou.

Canal - SportBuzz

Com clube e investidor juntos, eles trouxeram praticamente todos os reforços do Atlético-MG desde o início de 2020. Para se ter uma ideia, nesse meio tempo foram quase R$ 200 milhões em aquisição de direitos econômicos. Nessa linha chegaram Nacho, Hulk, Diego Costa, Dodô e Tchê Tchê para integrar o elenco. Hoje, o time do Atlético tem uma avaliação interna de R$ 1 bilhão.

"O Atlético tem uma disciplina, um planejamento financeiro que faz a diferença. A gente não vendeu R$ 100 milhões em direitos de jogadores. Mas tivemos mais receita de bilheteria, mais receita de patrocínio, de Manto da Massa. Premiação melhor. Uma série de coisas. Um saldo positivo. Moral da história? Acabamos 2021 com o caixa sem dever nada. E ainda pagando um dinheirão de dívidas passadas, como as da Fifa. Foi um ano muito bacana do ponto de vista de planejamento financeiro para o Atlético", apontou o dirigente sobre o planejamento financeiro do clube.

Projeto da Arena do Atlético-MG, que tem Menin como investidor (Crédito: Divulgação/Atlético-MG)

 

Menin ainda explicou o valor disponível no planejamento de 2022 para compra de novos jogadores, sendo que o orçamento conta com R$ 40 milhões para que o Galo possa montar um time ainda mais competitivo do que esse que faturou o Brasileirão de 2021, e se tornou um time temido pelos outros clubes do país.

"Vamos lá. Esse é o empenho para 2022. Você pode comprar o jogador parcelado para 2022, 2023 e 2024. Isso é normal. Então, temos que entender que os times passam por reciclagem. Todo time é assim, às vezes um jogador está insatisfeito, não quer ficar. Só que o Atlético tem uma base que não será desfeita. E você tem que comprar bem, trazer um jogador que chegue e jogue. E hoje temos uma equipe com técnico bom, com capacidade de comprar bons jogadores. Então, sim, haverá reciclagem. O mais importante é a base que começou a ser feita em 2020, e se consolidou em 2021. Hoje o Atlético tem uma base que a gente tira aqui um pouco, muda. Mas é um time com certeza bastante competitivo", contou.


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!