Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » COMEMORAÇÃO!

Maicon relembra momento em que seu nome apareceu na pré-lista de Tite para a Copa do Mundo da Rússia: "Foi muito gratificante ser lembrado"

Pré-convocação para a Seleção Brasileira foi a primeira na carreira do jogador do Grêmio

Izabella Macedo Publicado em 25/05/2020, às 15h37

Maicon relembra momento em que seu nome apareceu na pré-lista de Tite para a Copa do Mundo da Rússia
Maicon relembra momento em que seu nome apareceu na pré-lista de Tite para a Copa do Mundo da Rússia - GettyImages

Há exatos dois anos, o meia do Grêmio, Maicon vivia um dos melhores momentos da sua carreira. Depois que chegou ao clube gaúcho, em 2015, o atleta vem conquistando diversos objetivos com a camisa Tricolor, incluindo aparecer na pré-lista de Tite.

Após a saída do zagueiro Rodolpho, Maicon assumiu a responsabilidade e se tornou o capitão do elenco dentro de campo, além de ser um dos líderes dentro do vestiário e mentor dos jovens da base.

Seu histórico de liderança e atuações lineares, renderam o título da Copa do Brasil, Libertadores e Recopa Sul-Americana, no entanto, o melhor ainda estava por vir.

Bem antes de o jogador iniciar sua carreira no futebol profissional, compor o elenco da seleção de seu país é um dos primeiros pontos incluídos na lista de desejos dos atletas. A partir disso, a busca por títulos e boas atuações colocam esse sonho cada vez mais próximo.

Exatamente no dia 25 de maio de 2018, o volante do Grêmio apareceu na pré-lista de convocados para a Seleção Brasileira do técnico Tite. A relação tinha o nome de 12 atletas que estavam pré-convocados para a Copa do Mundo da Rússia.

Naquele ano, Maicon era considerado como o melhor passador nas competições que disputava, além de ser o termômetro do meio-campo gremista, fazendo dupla com Arthur, hoje no Barcelona.

Depois que recebeu a notícia de que seu nome estava na pré-lista, Maicon se disse lisonjeado e lembro que nunca havia sido convocado, nem mesmo pelas Categorias de Base.

“Lembro que fiquei muito feliz, pois não havia sido convocado nem na base. Foi muito gratificante ser lembrado para uma Copa do Mundo com quase 33 anos de idade. Aquilo foi um fator que me motivou a melhorar a cada dia e agraço sempre ao Grêmio, meus companheiros e direção pelo apoio e ajuda no meu trabalho diário”, contou.

Com um retrospecto vitorioso dentro do clube gaúcho colecionando seis títulos, Maicon já defendeu o Tricolor em 203 oportunidades e marcou 11 gols.

O Grêmio entrou para sua história sendo o time em que mais atuou e conquistou títulos na carreira.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!