Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » EITA!

Lisca revela proposta do Cruzeiro e conta detalhes sobre escolha de permanecer no América-MG

Treinador ainda deu justificativas em relação a ter negado a oferta da Raposa em outubro de 2020

Redação Publicado em 11/01/2021, às 15h52 - Atualizado às 16h47

Lisca em ação pelo América Mineiro
Lisca em ação pelo América Mineiro - Mourão Panda/Fotos Públicas

Lisca está fazendo um grande trabalho sob o comando do América Mineiro. Praticamente com o acesso garantido e líder da série B, o treinador quase abriu mão do Coelho para assumir o Cruzeirono final de 2020, após a saída de Ney Franco da Raposa. 

Em entrevista para a Rádio 98FM, o treinador deu maiores detalhes sobre uma conversa que teve com Sérgio Rodrigues. Tentando convencê-lo de assumir o comando do time celeste, Lisca revelou que a oferta do presidente do Cruzeiro era para um resultado imediato. 

"Caso ele não assumisse (o Felipão), o Cruzeiro consultou minha pessoa, tive conversa com o presidente Sérgio. A gente abriu uma amizade legal, não era o momento certo. Cruzeiro estava numa situação difícil, tinha 1% de acesso. Presidente Sérgio me falou, é um trabalho de dois anos, mas se não tiver acesso, fica difícil. Aí entendi o recado, que era necessário o acesso para sequência de trabalho", disse. 

Questionado em relação a um motivo específico que o fez negar a oferta da Raposa, o treinador do América não deu muitos detalhes. De acordo com ele, a proposta e a oportunidade chegaram num momento errado de sua carreira. 

"Não tenho motivo especifico (para negar a proposta), receber convite do Cruzeiro é uma honra, um sonho da minha vida. Tem muitos convites certos, na hora errada. Meu empresário é o mesmo do Felipão, estava por dentro de tudo que estava acontecendo. Cruzeiro vinha conversando com o Felipão, que tinha uma dúvida, vinha recebendo contatos de fora", afirmou.

Mesmo tendo afirmado que não teria uma motivação específica para não aceitar a oferta do Cruzeiro, Lisca deixou claro que optou pelo trabalho de longo prazo. Vivendo momento espetacular no Coelho, o treinador se aproxima do acesso e também do título da série B. 

"Queria muito fazer um trabalho a médio, longo prazo. A ideia do Cruzeiro era um trabalho de urgência. Coloquei ao presidente Sérgio que, com um trabalho de início, meio e fim, seria uma honra, mas optei pelo América. Felipão manteve o time na Série B, e tenho certeza que o Cruzeiro fará grande trabalho no ano que vem", concluiu.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!