Sportbuzz
Testeira
Futebol / AINDA NÃO!

Lisca pede desculpas ao torcedor do Vasco após derrota e revela: "Ainda não consegui encaixar"

Sob o comando de Lisca, no Brasileirão Série B, Vasco terminou o primeiro turno na 10ª posição, com 28 pontos somados

Redação Publicado em 19/08/2021, às 07h05

Lisca, treinador do Vasco, durante entrevista coletiva pelo clube - Reprodução / OneFootball / Vasco TV
Lisca, treinador do Vasco, durante entrevista coletiva pelo clube - Reprodução / OneFootball / Vasco TV

Nesta quarta-feira, 18, o Vasco perdeu para o Londrina por 2 a 1 em São Januário, e a partida deixou claro as falhas na defesa da equipe carioca. Depois da partida, o técnico Lisca comentou sobre a atuação do grupo, e revelou ainda não ter se encaixado no novo comando.

Segundo sua avaliação, feita em entrevista coletiva após o jogo, essa falta de constância apresentada pelo Vasco nos últimos compromissos na parte defensiva é "mortal na Série B".

"Hoje não foi a questão mental, não tivemos capacidade, time do Londrina bem fechado, jogando no nosso erro. Voltamos mais organizados, fizemos o gol e depois não pressionamos mais. Tomamos um gol de média distância, tomamos o segundo gol quando estávamos saindo pro ataque. Hoje não jogamos bem, desde que eu cheguei aqui não estou conseguindo encaixar o time", disse o treinador.

"Não estamos achando essa química para o time ser mais competitivo. Hoje é lamentar e pedir desculpas para o torcedor do Vasco. Talvez tenhamos que fazer um futebol mais simples, mas estamos muito vulneráveis, estamos tomando muitos gols. Tem muita coisa ruim, muita coisa errada. Eu, como treinador, ainda não consegui encaixar aqui no Vasco", avaliou.

Além disso, Lisca lamentou o fato de o Vasco ter tido a defesa vazada em praticamente todos os jogos da equipe até aqui, afirmando que existe sim a falta de consistência defensiva.

"Responsabilidade dos erros é minha. Eles não erram de propósito, querem acertar. Quem escala os jogadores sou eu. O time vinha bem ofensivamente, Jabá é diferenciado ofensivamente. Dificuldade era construção. Tomamos gol em média distância. Na segunda parte, insistimos. Quando ia fazer as trocas, tomamos o gol. Não vejo jogadores no banco muito superiores ao Jabá, ao Marquinhos e Sarrafiore. O problema foi sustentação e fragilidade defensiva. Isso é mortal na Série B. Não estou conseguindo dar essa sustentação defensiva", analisou o comandante.

O treinador ainda aproveitou para comentar a expectativa depositada em seu trabalho. Lisca disse que quando chegou ao Vasco, era claro para os torcedores que ele salvaria o time da situação atual, mas que hoje é complicado prometer o acesso.

"Hoje é difícil você falar isso para o torcedor do Vasco. Estou aqui tendo de dar explicação, que é o meu papel como treinador. Hoje você vê esse final de turno, e as pessoas tinham expectativa muito grande no meu trabalho para essa mudança de atitude e de consolidação do time na tabela, mais competitivo e mais sólido. Realmente, não estamos conseguindo, hoje é difícil falar isso para o torcedor do Vasco, mas eles são a razão do clube", disse antes de completar.

"Hoje temos que melhorar muito e ter outra atitude. Vamos tentar de tudo no sábado. Depois de sábado vamos avaliar e rever e conversar para tornar o Vasco forte e de novo pretendente ao acesso. Porque principalmente nos dois últimos jogos deixamos muito a desejar. A nossa colocação não é fidedigna com o que o Vasco precisa, e eu assumo isso. Peço desculpas ao torcedor do Vasco por não dar o retorno que esperava de mim, olhar bem o adversário e conseguir o resultado em Ponta Grossa", finalizou Lisca.

O jogo

O Londrina venceu o Vasco por 2 a 1 de virada na noite desta quarta-feira, 18, pela 19ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Marquinhos Gabriel abriu o placar para o Cruzmaltino no segundo tempo em São Januário. Marcelinho e Alisson Safira (pênalti) garantiram a vitória dos visitantes.

Com o resultado, o Vasco permaneceu com 28 pontos, na 10ª colocação da tabela. O time de Lisca está a três pontos do Goiás, que fecha o G-4. Já o Londrina deixa a lanterna, ganha uma posição e chega aos 13 pontos.

O Vasco volta a campo no próximo sábado, 21, às 19h (de Brasília), quando visita o Operário pela 20ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. No domingo, às 18h15, o Londrina recebe o Brasil de Pelotas.

Em jogo fraco no primeiro tempo, o Vasco dominou as ações ofensivas no primeiro tempo. Apesar disso, o primeiro chute ao gol foi do Londrina, apenas aos 18 minutos. Após passe de Safira, Gegê chutou firme e manou à direita do goleiro Lucão.

Aos 30 minutos, Juninho tocou para Léo Matos, que fez um belo cruzamento para Cano. O atacante subiu para cabecear, mas mandou muito alto. Dez minutos depois, Léo Jabá bateu colocado e a bola encontrou a trave após desviar em Saimon.

O Vasco voltou mais ligado no segundo tempo. Logo no primeiro minuto, Marquinhos Gabriel cabeceou e viu Felipe cortar. Aos sete, Cano finalizou de fora da área e mandou à direita do gol.

O cruzmaltino abriu o placar aos oito minutos do segundo tempo, com gol de Marquinhos Gabriel. A bola passou pelos pés de Romulo, Zeca e Léo Jabá, que cruzou para o meia finalizar: 1 a 0.

Aos 19 minutos, Saimon exigiu grande defesa de Lucão em cabeceio firme. Como resposta, Sarrafiore mandou uma bomba para a defesa de Dalton.

O Londrina chegou ao empate aos 25 minutos do segundo tempo, com gol de Marcelinho. Caprini arriscou de fora da área, e Marcelinho ficou com o rebote da bola espalmada por Lucão: 1 a 1.

O Londrina virou no fim da partida. Aos 40 minutos, Ricardo Graça derrubou Safira na área e cometeu o pênalti. O próprio atacante foi para a cobrança, bateu no meio e virou para os visitantes: 1 a 2.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!