Sportbuzz
Testeira
Futebol / COLETIVA!

Lisca abre o jogo e explica atuação ruim do Vasco na Série B

Vasco ainda não engrenou sob o comando de Lisca

Redação Publicado em 11/08/2021, às 15h01

Vasco ainda não engrenou sob o comando de Lisca - Reprodução / OneFootball / Vasco TV
Vasco ainda não engrenou sob o comando de Lisca - Reprodução / OneFootball / Vasco TV

Na última terça-feira, 10, Vasco e Vila Nova entraram em campo para disputar a 17ª rodada do Brasileirão da Série B. De um lado, a equipe de Lisca buscava entrar de vez na zona dos quatro primeiros. Do outro, o time goiano sonhava em se afastar do rebaixamento.

Em um jogo muito travado, o Vasco precisou de um gol 'sem querer' para bater o Vila Nova por 1 a 0 e conquistar mais uma vitória no torneio. Com o triunfo, o Gigante da Colina chegou aos 28 pontos e entrou no G-4 do Brasileirão da Série B.

 

Logo após o jogo, Lisca concedeu entrevista coletiva e analisou a atuação e o resultado obtido pelo Gigante da Colina. Ciente do fraco desempenho, o treinador fez questão de amenizar o fato e apontou as dificuldades para o número de desfalques na partida.

Hoje estávamos com muitos desfalques. Bruno, Morato, o Castan saiu, o Cano, o Daniel... Hoje acho que não dá para reclamar muito da vitória, tem jogos em que você não vai poder jogar muito. Vai ter essas dificuldades todas que relatei, mas vai ganhar o jogo”, iniciou Lisca.

O mais importante foi somar os três pontos na nossa briga pelos 64, que acho que vai nos dar o acesso. Diminuímos mais três e vamos em frente para buscar tentar fazer uma grande partida com o Remo. Sentimos a falta do Morato, do Bruno, do Daniel, do Cano, a saída do desfalque. São muitos desfalques, e eu estou muito feliz com a vitória”, completou.

AUSÊNCIA DE CANO!

Questionado se as dificuldades do Vasco têm relação com a ausência de Germán Cano, Lisca reconheceu que o argentino faz muita falta ao time, mas fez questão de ressaltar a atuação do jovem Figueiredo, que ocupou o lugar do atacante titular.

Realmente ele faz muita falta. Além dele, o Daniel, que é o nosso substituto natural. É difícil o Cano sair, ele não gosta de ser substituído. Sentimos falta dele e Daniel. Usamos o Figueiredo, que é mais de extrema, não tem tanta experiência da função”, concluiu Lisca.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!