Sportbuzz
Testeira
Futebol / PARIS SAINT-GERMAIN

Jornal francês diz que conflitos marcam vestiário do PSG

Tensão, privilégios e festas: artigo de jornal francês lista casos e conflitos que marcaram o elenco do Paris Saint-Germain na primeira metade da temporada

Redação Publicado em 21/12/2021, às 17h12

Jornal francês diz que conflitos marcam vestiário do PSG - GettyImages
Jornal francês diz que conflitos marcam vestiário do PSG - GettyImages

O elenco estrelado do Paris Saint-Germain tem sido um problema para o vestiário do técnico Mauricio Pochettino até o momento na temporada 2021/22. De acordo com o jornal francês “L’Équipe”, em artigo publicado nesta terça-feira, 21, os bastidores da equipe têm sido marcados por conflitos e brigas por privilégios entre diferentes grupos de jogadores.

Na publicação, que levou o título “Paris, segredos e ruídos”, o jornal divulgou uma lista de casos que movimentaram o vestiário do clube. Entre os conflitos citados, está a briga pela titularidade no gol. Navas era o dono da posição do PSG até o clube contratar Donnarumma, que não foi pedido por Pochettino.

 

Canal SportBuzz:

Neymar Jr também foi comentado no artigo. De acordo com o jornal, o atacante brasileiro chegou atrasado em um dia de compromisso com a patrocinadora do PSG, o que fez a diretoria considerar uma punição ao camisa 10, o que não aconteceu para evitar vazamento.

Oficialmente, o motivo do atraso é que Neymar não sabia se precisava ou não fazer o teste da covid pela manhã e estava irritado”, escreveu o jornal.

Outro episódio que teria incomodado foi uma festa após Lionel Messi conquistar a sétima Bola de Ouro na carreira. Segundo a publicação, alguns jogadores teriam participado do evento, e o camisa 30 e Paredes apresentaram “sintomas de gastroenterite” no dia seguinte, o que fez a dupla argentina não participar do treino. A situação incomodou outros atletas.

Jornal francês diz que conflitos marcam vestiário do PSG (Crédito: GettyImages)

 

A publicação cita o incômodo de alguns jogadores ao entenderem que outros têm privilégios dentro do clube. Para isso, o “L’Équipe” usou o casamento de Mauro Icardi como exemplo, quando o jogador argentino foi liberado por alguns dias para resolver sua situação matrimonial com Wanda Nara. 


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!