Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » CAMPEONATO BRASILEIRO!

Internacional é Manchester City? Eduardo Coudet faz comparação curiosa e abre o jogo sobre pedidos de reforços ao clube

Treinador se mostrou irritado com a notícias sobre a chegada de novos jogadores e notícias sobre ele

Lucas Miluzzi Publicado em 17/08/2020, às 14h30 - Atualizado às 15h21

Eduardo Coudet em ação pelo Internacional
Eduardo Coudet em ação pelo Internacional - GettyImages

O Internacional iniciou o Campeonato Brasileiro com uma sequência importante de vitórias. A equipe conseguiu vencer o Coritiba e o Santos, mas acabou tropeçando contra o Fluminense, na última rodada da competição. O resultado negativo irritou Eduardo Coudet, que demonstrou sua insatisfação durante a coletiva de imprensa. 

Ainda no Estádio do Maracanã, o treinador falou sobre a opção de utilizar alguns jogadores da categoria de base. Um pouco incomodado com as perguntas dos jornalistas, o técnico demonstrou que não estava nada satisfeito sobre os questionamentos dos repórteres. 

"Eu acho que sempre a pergunta que vocês falam é cobrando. Se eu boto o Fuchs, tem problema porque botei Fuchs e falam do Moledo. Mas depois, acha que tem que jogar os jogadores da base. Agora, jogou o Zé Gabriel. Eu acho que fez uma partida muito importante. Quando eu cheguei aqui, já disse: entendo todos os problemas financeiros. Mas também acho que é responsabilidade da diretoria e da comissão técnica. Entrou desde que começamos, US$ 14 milhões. É um trabalho de todos. Tratamos de fazer o melhor. Mas seguramente sempre escuto a pergunta difícil. Me pedem jogadores que nem estrearam. Não compreendo", disse. 

Na últimas semanas, surgiu o rumor de que Eduardo Coudet estaria sendo pressionado pela diretoria do Internacional em relação a resultado. O treinador garantiu que não existiu nenhuma cobrança em cima dele e fez uma comparação curiosa com o Manchester City. 

"Não estou desconfortável. Estou achando que sempre tem problema com a escalação. É um grupo muito curto, essa é a verdade. Eu estou trabalhando. Se vocês não acompanham esse trabalho, é muito difícil para mim. (O Inter) não é o Manchester City. Não tem uma quantidade de jogadores de hierarquia", explicou.

Por fim, ainda negou qualquer informação relacionada a cobranças feitas por ele para a diretoria colorada em relação a chegada de novos jogadores ao elenco. Segundo Coudet, não houveram conversas relacionadas a isso e garantiu que está ciente da atual situação financeira do Inter. 

"Não me esquivo da responsabilidade. Eu não sinto pressão. É que a exigência tem que ir junto com as nossas possibilidades. Não estou incômodo. No outro dia, falei depois do jogo, depois saiu que estou cobrando a diretoria. Não é assim. Estou cômodo com a diretoria. Mas a mensagem acho que é muito ruim. Sempre a mensagem sendo ruim. E não é assim. Eu falo da realidade. Se vocês querem ver outra realidade, eu vou entender. Estou falando o que penso. E a realidade que o Inter tem hoje", afirmou. 

Ele ainda continuou: "Alguns jornalistas falam que estou cobrando. Eu não estou cobrando nada. Eu sei a realidade que tenho e como está o clube. Eu decidi acompanhar. A diretoria nunca faltou com a verdade. Não me queixo".


5 itens que todo torcedor do Internacional precisa ter

1- Toalha de Banho Internacional - https://amzn.to/2JeyADX

2- Caneca Porcelana Internacional - https://amzn.to/2W9Jct5

3- Os Dez Mais do Internacional - https://amzn.to/33R9Byp

4- Jogo Caneta Roller Ball de Metal com Chaveiro Internacional - https://amzn.to/2MBKYQp

5- Taça Cerveja Internacional - https://amzn.to/2PbxInm

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!