Sportbuzz
Testeira
Futebol / BRASILEIRÃO!

Internacional e Corinthians empatam em jogo com acusação de racismo

Internacional e Corinthians entraram em campo neste final de semana no Beira-Rio pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro; confronto ficou marcado pela acusação de racismo

Redação Publicado em 14/05/2022, às 21h00

Internacional e Corinthians em campo pelo Brasileirão - GettyImages
Internacional e Corinthians em campo pelo Brasileirão - GettyImages

Internacional e Corinthians entraram em campo neste sábado, 14, em partida válida pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro, com as equipes levando para casa cada uma um ponto, já que o placar ficou em 2 a 2. Além de ser um confronto de gigantes do futebol nacional, a partida também marcou o embate entre o líder e o nono colocado.

Para se ter uma ideia de como o encontro entre as equipes é equilibrado, das últimas 10 partidas disputadas, cada time venceu um jogo, com outros oito empates. No entanto, um deles doeu mais para o Internacional, que foi o 0 a 0 na última rodada do Brasileirão de 2020, que acabou custando a perda do título da competição para o Flamengo.

 

Canal - SportBuzz

O jogo

Primeiro tempo

Logo no primeiro minuto de jogo, o Corinthians apertou a saída de bola do Internacional, Carlos de Pena conseguiu achar o passe no meio-campo. David recebeu em profundidade, puxou para a beirada da área, mas Raul Gustavo chegou travando na bola. Depois, Gil saiu jogando com Du Queiroz, e o volante tirou de dois para arrancar pela direita e acionar Roger Guedes.

Com quatro minutos, no contra-ataque, o Internacional avançou pela esquerda, e David recebeu em projeção na área. O atacante dominou e bateu, mas Cássio saiu bem para fazer a defesa e afastar o perigo. Depois, Carlos de Pena avançou pela esquerda e cruzou na segunda trave buscando Edenílson, que se jogou para finalizar, mas não alcançou a bola.

Internacional e Corinthians entraram em campo pelo Brasileirão
Internacional e Corinthians entraram em campo pelo Brasileirão (Crédito: GettyImages)

 

Aos seis minutos, Roger Guedes recebeu a bola longa na beirada da área, pela direita, chegou perto da linha de fundo e girou o corpo já batendo. Daniel fez a defesa do chute, que foi no meio, de forma tranquila. Ainda, o Corinthians arriscou com Raul Gustavo chutando de fora da área, mas ele acabou errando o alvo e mandou longe do gol de Daniel.

Na sequência, o Corinthians recuperou a bola no campo de ataque, e Willian avançou na esquerda. O camisa 10 cruzou, mas ela foi atrás demais para Renato Augusto, que errou o chute pegando mal. Depois, Roger Guedes avançou na direita, chegou na beirada da área e cruzou buscando Willian, mas a bola encontrou Vitão, que antecipou para tirar. 

Com 12 minutos, Wanderson fez o cruzamento da esquerda, e David desviou na entrada da área. Bustos tabelou de cabeça com Edenílson, recebeu na área e bateu cruzado. A bola passou na direita do gol de Cássio em uma boa chance do Internacional. Três minutos depois, Carlos de Pena tentou enfiar a bola para Wanderson na esquerda, mas a zaga cortou.

Na sobra, David aparece cara a cara com Cássio, mas dominou mal, e ela escapou do atacante e o goleiro corintiano ficou com ela. No lance seguinte, David ganhou no corpo de Raul Gustavo, foi puxado, pediu falta, mas conseguiu o passe para Alan Patrick na esquerda. O meia cruzou e ganhou o escanteio para cobrar.

Aos 24 minutos, gol do Internacional! O Corinthians pressionou a área adversária, mas Daniel achou um ótimo passe para De Pena entre a marcação, e o meia arrancou até abrir com Wanderson na esquerda. O camisa 11 chegou na linha de fundo e cruzou na área. David deixou a bola passar, e Alan Patrick chegou por trás para escorar.

Após o gol, Renato Augusto recebeu a bola na entrada da área, mais para a esquerda, e achou um lindo passe para Roger Guedes receber em projeção. O camisa 9 dominou e já chutou de direita tentando tirar de Daniel, que saiu bem para fazer a defesa. Na sequência, gol do Corinthians para deixar o marcador igual.

Renato Augusto cruzou na primeira trave, e a bola foi desviada. Roger Guedes foi atrás dela e cruzou de volta. Gil cabeceou, e Raul Gustavo e Mantuan foram na bola junto com Daniel. Depois do bate-rebate, o zagueiro aproveitou para empurrar a bola para dentro e colocar o Corinthians de volta na briga pela vitória.

Com 33 minutos de bola rolando, Alan Patrick sofreu a falta na entrada da área, mas os jogadores do Internacional ficam reclamando de um toque de mão na jogada. O clima esquentou tanto no Beira-Rio que os jogadores começam a se peitar, e o árbitro não marcou nada no lance.

Dez minuto depois, o Internacional ficou na frente! Bustos cobrou o lateral direto na área, David dominou, girou em cima de Raul Gustavo e cruzou na segunda trave. Alan Patrick cabeceou, e Cássio fez a defesa. No rebote, porém, Wanderson apareceu com tudo para encher a bomba na pequena área e marcar.

Fim do primeiro tempo!

Segundo tempo

Na volta do intervalo, logo aos dois minutos, Renato Augusto recebeu na direita e achou um bom passe para Mantuan na área. O meia não dominou, mas Willian ficou com a sobra e abriu na esquerda. A bola foi cruzada, e Jô apareceu no meio da zaga para cabecear. Daniel fez a defesa e deixou o perigo para longe.

Aos seis, Renato Augusto cruzou com perigo na entrada da pequena área, e Jô cabeceou firme para uma linda defesa de Daniel. Nada disso valeu, já que o atacante estava impedido. No lance seguinte, Mantuan chegou na linha de fundo, pela esquerda, cortou para o meio e cruzou na segunda trave. Rodrigo Dourado deixou a bola passar e enganou Maycon, que chegava por trás.

Com 12, Maycon cruzou com veneno, e Gil apareceu livre para cabecear e marcou o gol de empate do Corinthians. No entanto, nada disso estava valendo, já que o assistente levantou a bandeirinha assinalando mais um impedimento da equipe Alvinegra, mas desta vez em um momento bem mais decisivo.

Seis minutos depois, gol de Jô! Depois da troca de passes no campo de ataque, Willian achou Mantuan na entrada da área, e o camisa 31 do Timão girou para dar uma cavadinha, por cima da zaga, para Jô. O atacante dominou, tirou de Daniel e finalizou para colocar o Corinthians de novo no empate fora de casa.

Aos 26, Du Queiroz tabelou com Renato Augusto na entrada da área e abriu com Mantuan, com liberdade. O meia dominou e bateu, e Daniel espalmou para fora. Willian recebeu na beirada da área, pela direia, e cruzou na segunda trave. Mantuan tentou o chute de voleio, mas pegou mal e perdeu a chance de sair na frente.

Segundo as informações do repórter Victor La Regina, da "Rede Globo", e que estava na beira do campo, Renê chegou em Vítor Pereira e falou para o treinador do Corinthians: "Ele (Rafael Ramos) chamou o Edenílson de macaco". O jogo ficou paralisado por alguns minutos por conta da confusão, mas logo foi reiniciado.

Com 35 minutos, Maurício, que tinha acabado de entrar, deu uma boa arrancada pela esquerda e cruzou a bola na pequena área. Pedro Henrique chegou para finalizar, mas não conseguiu nem encostar nela, que acabou passando direto por ele. Depois minutos depois, Edenílson lançou Pedro Henrique no ataque, mas o camisa 28 foi derrubado antes de arrancar na direita.

Fim de jogo!


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!