Sportbuzz
Testeira
Futebol / EITA!

Grêmio: Roger Machado dispara contra torcida após derrota para Chape

Roger Machado não ficou nada feliz sobre derrota do Grêmio para a Chape na série B do Campeonato Brasileiro; confira detalhes sobre o tema!

Redação Publicado em 16/04/2022, às 17h14

Roger Machado não ficou muito feliz com a torcida do Grêmio e também com a derrota para a Chapecoense - Lucas Uebel / Grêmio
Roger Machado não ficou muito feliz com a torcida do Grêmio e também com a derrota para a Chapecoense - Lucas Uebel / Grêmio

O Grêmio não conseguiu vencer a Chapecoense na última sexta-feira, 15, na Arena, e recebeu muitas vaias dos torcedores. Depois da derrota para os rivais catarinenses, pelo placar de 1 a 0, Roger Machado concedeu entrevista coletiva e mandou um sério recado para a torcida, que fez diversas manifestações contra o elenco e, para o técnico, ajudaram a pressionar os atletas. 

De acordo com o treinador do Grêmio, o time parecia estar jogando fora de casa e a atitude não agradou muito o elenco e nem Roger Machado. Segundo ele, o emocional do time tricolor ficou afetado com as vaias e a falta de apoio. Sendoa assim, o profissional pediu para que a torcida fique ao lado dos jogadores durante os 90 minutos das partidas da equipe. 

CANAL - SPORTBUZZ:

Hoje senti no primeiro tempo, em alguns momentos, pareceu que estávamos jogando como visitante dentro da nossa casa. Foi tema de conversa, empurrar a bola pro gol, isso impõe tecnicamente, fisicamente e moralmente. Existe um jogo emocional", afirmou.

Roger Machado ainda seguiu falando sobre a pressão da torcida do Grêmio e relembrou que no segundo tempo a atitude mudou: "Hoje tinha três minutos de jogo quem estava atrás de mim estava pedindo pra trocar jogador em campo. O que a gente precisa entender é que a energia que a gente coloca pra fora vai retornar, mas em alguns momentos vamos precisar que o torcedor empurre a gente".

Grêmio em ação
Grêmio sofreu a primeira derrota na Série B (Crédito: Lucas Uebel / Grêmio FBPA / Flickr)

 

"À medida que o tempo passa, acontecem alguns fenômenos. Primeiro, o adversário começa a acreditar que sua estratégia está dando certo. Do nosso lado começamos a ficar mais ansiosos pra definir um lance no tempo diferente do que ele deveria, e vai trazendo um ambiente de ansiedade da arquibancada pra dentro do campo. No segundo tempo a torcida veio muito mais com a gente", finalizou o treinador do Grêmio.


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!