Sportbuzz
Testeira
Futebol / TRETA!

Dirigente do Grêmio cutuca Sport e presidente do Leão rebate: "CBF não acobertou"

Nestor Hein acusou o Sport de ser "acobertado" pela CBF em caso de irregularidade e ganhou resposta de Yuri Romão

Redação Publicado em 13/10/2021, às 15h36 - Atualizado às 15h53

Grêmio e Sport estão trocando farpas e buscando permanência no Brasileirão - Lucas Uebel / Grêmio
Grêmio e Sport estão trocando farpas e buscando permanência no Brasileirão - Lucas Uebel / Grêmio

O clima entre Grêmio e Sport não é dos melhores. O time pernambucano que está lutando junto contra a equipe gaúcha para não ser rebaixado no Brasileirão, está passando por um momento de incertezas, depois de escalar incorretamente o zagueiro Pedro Henrique. A CBF defende o Leão, mas outros noves clubes, incluindo o Tricolor, defendem uma severa punição aos rivais. 

A temperatura entre Grêmio e Sport aumentou ainda mais, depois que Nestor Hein deu uma entrevista para o site "GZH" dizendo que a Confederação Brasileira de Futebol estaria "acobertando" os rivais pernambucanos nesse caso. De acordo com o vice-presidente do Tricolor, será necessário sair do Z-4 com a bola no pé, pois fora de campo será mais complicado.

"A CBF acobertou o erro do Sport. Já era esperado, mas tínhamos que fazer a representação, por proteção do clube, defendendo os nossos interesses. Imagina se chega na última rodada, ficamos a um ponto do Sport ou pelo saldo de gols. Conhecemos bem a CBF. O Grêmio tem que sair da situação jogando futebol, não dependendo de outras coisas", acusou Nestor. 

Depois dessa polêmica declaração, Yuri Romão saiu em defesa do Sport e garantiu que não houve qualquer favorecimento por parte da CBF. De acordo com o presidente do Leão, esse "acobertamento" da Confederação Brasileira de Futebol em relação ao time rubro-negro não existe e aproveitou para rebater o dirigente do Grêmio. 

"Comentário infeliz. A CBF não acobertou nada. O próprio regimento, que todos os 20 clubes assinaram, é que diz aquilo. A gente não tem gestão sobre a CBF. É um comentário infeliz da parte dele. O regimento da competição é que dá cobertura para a CBF enviar aquele ofício. Não tem outra verdade. No calor das coisas, usaram esse termo. Mas a CBF não acobertou nada", comentou o presidente do Sport. 

Ainda em tempo: a punição para o Sport ainda sequer foi decretada, o STJD ainda analisa se vai ou não indiciar o Leão pela escalação irregular de Pedro Henrique. Caso o órgão opte por dar sequência ao caso, a equipe pernambucana pode perder pontos no Brasileirão.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!