Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » EITA!

Técnico do Internacional faz elogios para Renato Gaúcho e alfineta Grêmio: "Vejo mais camisas coloradas no dia a dia"

Miguel Ángel Ramírez não quis criar polêmicas, mas acabou dando uma declaração que gerou repercussão

Redação Publicado em 01/04/2021, às 15h50 - Atualizado às 16h44

Miguel Ángel Ramírez em ação pelo Internacional
Miguel Ángel Ramírez em ação pelo Internacional - Ricardo Duarte - SC Internacional

No próximo sábado, 3, Miguel Ángel Ramírez vai participar de seu primeiro Gre-Nal pelo Internacional. Após o empate contra o São José, na última quarta-feira, 31, o treinador deixou claro que está inserido no ambiente de pressão do clássico e comentou sobre sua ansiedade com o confronto. 

"Não estou ansioso, mas iludido com o jogo. Nunca sonhei que poderia viver como treinador. Me faz muito feliz em ter esta grande responsabilidade. Se os números na Arena são desfavoráveis, isso motiva mais. Temos que ganhar novamente. Sei da importância para a cidade. São coisas que dão conta da beleza que é a rivalidade. Sem o outro, não teria esta paixão", afirmou em entrevista coletiva. 

O novo comandante do Inter revelou que não queria criar grandes polêmicas, porém acabou dando uma resposta que agitou os bastidores do clássico. Questionado em relação ao ambiente na cidade para a partida, Ramírez contou que vê mais colorados na rua do que gremistas. 

"Eu não vivo fora da cidade. Estou em Porto Alegre, com as pessoas no dia a dia. Não serei hipócrita. Eu vejo mais camisas coloradas no dia a dia. Não estou polemizando, é a verdade. Isso me encanta. Vou contando os colorados nas ruas, um, outro, outro e um tricolor", explicou. 

Miguel Ángel Ramírez também foi perguntado sobre Renato Gaúcho e seu trabalho no Grêmio. O técnico do Internacional destacou o tempo de trabalho de Portaluppi e também a maneira como os rivais trabalham coletivamente. 

"Eles têm um grande treinador, que está há muito tempo, e isso facilita e sabem o que o treinador quer. Quem chega, se adapta muito mais rápido. Vê o funcionamento coletivo. Quando há estabilidade, facilita os processos porque já se conhecem. É uma equipe muito boa, muito forte. Tentaremos aproveitar as fraquezas, que não os contarei", concluiu.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!