Sportbuzz
Testeira
Futebol / VISH!

Goleiro da Argentina detona polêmica com Brasil e diz: "Íamos ganhar"

Emiliano Martínez é um dos quatro jogadores da Argentina envolvidos em toda a confusão no jogo do Brasil

Redação Publicado em 06/09/2021, às 14h21 - Atualizado às 14h40

Emiliano Martínez questionou atitude do governo do Brasil e afirmou que Argentina sairia com a vitória - GettyImages
Emiliano Martínez questionou atitude do governo do Brasil e afirmou que Argentina sairia com a vitória - GettyImages

No último domingo, 5, Brasil e Argentina deveriam ter se enfrentado e feito um dos principais jogos da atual edição das Eliminatórias para a Copa do Mundo. No entanto, devido a algumas irregularidades sanitárias por parte de quatro jogadores argentinos, a Anvisa foi a campo e o principal clássico das Américas não foi realizado. 

Depois de muita polêmica, algumas explicações e depoimentos no aeroporto, a Seleção Argentina voltou para Buenos Aires, onde ainda vai completar sua sequência de jogos nas Eliminatórias da Copa do Mundo nesta Data Fifa. No entanto, dois, dos quatro jogadores envolvidos no imbróglio sanitário, foram liberados para voltar para a Inglaterra. 

Voltando para o país onde exercem a sua profissão, um dos quatro atletas pararam para conversar com a imprensa. Coube a Emiliano Martínez, goleiro titular da Seleção Albiceleste, comentar sobre o ocorrido e o arqueiro deixou clara a sua insatisfação com a atuação do governo brasileiro no último domingo, 5. 

"Havia boatos sobre os jogadores da Premier League, que não poderiam jogar, mas tinham que nos avisar quando chegamos ao Brasil e não teríamos nos preparado para cancelarem o jogo. Simples. Eles tinham que nos avisar antes", afirmou o goleiro do Aston Villa, da Inglaterra. 

"Nós quatro decidimos vir por amor à camisa, embora todos os da Premier não quisessem vir, viemos assim mesmo. Depois de vencer a Copa América, toda a equipe quer ficar com o grupo", completou o goleiro. Martínez ainda garantiu que a Argentina tinha tudo para vencer o Brasil e lamentou todo o ocorrido na NeoQuímica Arena. 

"Todos nós sabemos o que aconteceu. Nos preparamos para três dias no Brasil para jogar e ter sido cancelado depois de cinco minutos é uma sensação difícil. Tínhamos tudo para ganhar e por coisas políticas, não sei o que aconteceu, foi cancelado, e tivemos que voltar", seguiu. 

Martínez ainda finalizou o assunto, concluindo que a Argentina sairia vitoriosa do clássico sul-americano e lamentou:"É uma pena porque íamos ganhar". A Seleção Albiceleste volta a campo nesta quinta-feira, 9, às 20h30, contra Bolívia, e não poderá contar com o goleiro e Buendía que foram dispensados e retornaram para Inglaterra.


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!