Sportbuzz
Testeira
Futebol / Palmeiras

Galliote fala da saída de Felipe Melo e a permanência de Abel Ferreira

Durante o programa "Mesa Redonda", da TV Gazeta, o presidente do Palmeiras, Mauricio Galiotte, comentou sobre a saída de Felipe Melo nesta janela de transferências e também sobre a permanência do técnico Abel Ferreira

Redação Publicado em 06/12/2021, às 09h06

Galiotte fala sobre Felipe Melo e Abel Ferreira - Getty Images
Galiotte fala sobre Felipe Melo e Abel Ferreira - Getty Images

Depois da conquista do tricampeonato da Libertadores, muito se falou sobre o destino de peças do time campeão, como foi o caso de Felipe Melo, que já teve a saída do Palmeiras anunciada, e do técnico Abel Ferreira, que ainda não sabe certamente seu destino, seja no clube ou fora. 

Com isso, o atual presidente do clube (até o final do ano, já que Leila Pereira será a nova presidente alviverde), Mauricio Galiotte, comentou no programa "Mesa Redonda" da TV Gazeta sobre a saída do capitão e a permanência do treinador português, que trouxe duas Libertadores seguidas para o Porco. 

 

 

Além de Felipe Melo, o segundo goleiro Jailson também vai sair do clube no final desta temporada, confira a fala de Galiotte: "São dois ídolos, dois vencedores e líderes. Eles ficarão eternizados no Palmeiras, participaram de todo esse projeto. O planejamento do Palmeiras contempla uma renovação", comentou o mandatário palmeirense. 

"O futebol é muito dinâmico e requer aprimoramento de elenco constante. O Felipe é o nosso capitão, temos muita gratidão pelo que ele fez. Foi debatida a permanência ou não. Ele gostaria de dois anos a mais, mas o que está definido pelo planejamento institucional do clube?", continuou Mauricio Galiotte.

"O Palmeiras necessita de reformulação, de tal maneira que foi definido que os nomes de Felipe e Jailson não seriam renovados para o próximo ciclo. É uma decisão do Palmeiras, à luz do processo de reformulação", prosseguiu Galiotte no programa, ainda falando sobre os dois jogadores multi campeões pelo clube.

"São jogadores de muito potencial, mas a dinâmica do futebol exige aos clubes que querem continuar vencendo tomar uma decisão e é por isso que decidimos não renovar com eles", completou Galiotte sobre Felipe e Jailson. Ainda com 10 dias no cargo, também falou sobre o planejamento da próxima gestão.

"Em 10 dias, não estarei mais no cargo, então não vou citar nomes, até porque faz parte do planejamento do clube. O Palmeiras está fazendo uma reestruturação, vai reformular parte do elenco. Alguns jogadores continuarão e outros, não. Todo esse movimento faz parte do planejamento para o próximo período", completou.

Ao decorrer do programa, inúmeras pautas foram discutidas sobre o clube mais badalado do momento, resultado de uma gestão ímpar por parte de Galiotte, eleito em 2016 o 39º presidente da história alviverde. Entre elas, outra ponta solta foi comentada: o destino so técnico Abel Ferreira, que trouxe duas Libertadores.

"Gostaria muito que Abel ficasse. Conversei com ele ontem. Todos sabem do distanciamento que ele tem da família, é algo que incomoda ele e a todos nós. Estamos tentando ajudá-lo da melhor maneira possível. Gostaria que ele ficasse. Acho que fica conosco, mas é só minha opinião", disse Galiotte.

"É um treinador jovem. Sabemos que não é fácil administrar o Palmeiras, mas tem feito um trabalho espetacular. Colhe os resultados e está sendo muito bom para o Palmeiras e para ele também. O clube oferece estrutura, ótimos profissionais, todas as condições de trabalho. A gente se ajuda", comentou Mauricio.

"Você vê os números do Palmeiras: sempre tem destaque em relação ao ataque, tivemos uma das melhores campanhas da Libertadores, ficamos 15 jogos invictos, que é o recorde. É uma estratégia de jogo. Sobretudo, ele entrega o que o torcedor mais espera, que são os títulos", completou o atual presidente.

"Quando a gente fala de um treinador bicampeão da Libertadores em pouco mais de um ano de trabalho, merece todos os elogios. É um profissional com muito potencial e digo com certeza absoluta que é a maior revelação entre os treinadores no futebol brasileiro", finalizou Mauricio Galiotte sobre Abel Ferreira.

A próxima partida do Palmeiras será contra o Athlético Paranaense nessa segunda, 6 de dezembro (19h), pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro, na Arena da Baixada, e não contara com a presença do português à beira de campo, mas sim com Paulo Victor Gomes, técnico do time sub-20 palmeirense.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!