Sportbuzz
Testeira
Futebol / LIGA DAS NAÇÕES

França vence Espanha de virada e é campeã da Liga das Nações

Com gols de Mbappé e Benzema, franceses confirmam nova virada na competição e levam título; Oyarzabal marcou para os espanhóis

Redação Publicado em 10/10/2021, às 17h40 - Atualizado às 17h42

França vence Espanha de virada e conquista Liga das Nações - GettyImages
França vence Espanha de virada e conquista Liga das Nações - GettyImages

A França venceu a Espanha de virada, por 2 a 1, neste domingo, 10, e conquistou a segunda edição da Liga das Nações. Após primeiro tempo apagado, as seleções mudaram o panorama da decisão na segunda etapa. Oyarzabal abriu o placar para os espanhóis no San Siro. Benzema e Mbappé viraram para os franceses. O goleiro Lloris foi o grande nome da partida. 

No duelo pelo terceiro lugar, a Itália venceu a Bélgica por 2 a 1 na manhã deste domingo, 10, no Juventus Stadium. Os espanhóis passaram pelos italianos, enquanto os franceses eliminaram os belgas, também de virada.

 

A Espanha volta a campo no dia 11 de novembro, às 16h45 (de Brasília), para enfrentar a Grécia, fora de casa, pela nona rodada do Grupo B das Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo de 2022. No dia 13 de novembro, às 16h45, a França recebe o Cazaquistão, pelo Grupo D das eliminatórias.

O JOGO

As seleções fizeram um jogo equilibrado no primeiro tempo, mas sem muita criação. Aos sete minutos, a França teve uma boa chegada em cruzamento de Pavard afastado por Laporte. Aos 10, Sarabia recebeu o passe de Ferrán Torres e chutou sem muito efeito. A bola chegou a desviar em Varane, mas Lloris ficou com ela.

A França ficou sem o zagueiro Varane aos 40 minutos do primeiro tempo. Sentindo dores o defensor foi substituído por Upamecano.

Em boa chance na segunda etapa, aos sete minutos, Sarabia roubou a bola de Koundé, fez jogada com Oyarzabal e cruzou rasteiro para Ferrán Torres, que por pouco não alcançou para completar para o gol.

Na principal chance da França no jogo, Pogba puxou o contra-ataque, venceu a marcação e tocou para Mbappé, que rolou para Benzema. O atacante do Real Madrid tocou rasteiro para Theo Hernández no meio da área e o lateral mandou uma bomba no travessão.

Na resposta da Espanha, menos de um minuto depois, Oyarzabal abriu o placar. Busquets lançou para o atacante, que tirou de Upamecano e bateu cruzado: 1 a 0.

A vantagem espanhola durou menos de dois minutos. Aos 20, Benzema deixou tudo igual com um golaço. Em ataque em velocidade, Pogba tocou para Mbappé, que rolou para Benzema dominar e mandar na gaveta.

O segundo tempo mudou completamente a final a partir dos 18 minutos. Aos 22, Mbappé recebeu o lançamento de Theo Hernández e tentou por cobertura colocar na meta de Simón. Em novo ataque, Benzema tocou para o atacante do PSG, que finalizou sem efeito para a defesa do goleiro espanhol.

Mbappé virou o jogo para França, aos 34 minutos do segundo tempo. Após passe açucarado de Theo Hernández, o camisa 10 entrou livre na área e bateu por baixo de Simón. Os espanhóis reclamaram de impedimento no lance, mas o VAR validou. Decisão foi polêmica. 

Nos minutos finais, aos 43 minutos, Lloris salvou a França e evitou o empate da Espanha. Oyarzabal chutou de canhota e viu o goleiro francês defender. No contra-ataque, Pogba puxou a jogada e tocou para Benzema, que virou para Mbappé. O camisa 10 dominou e chutou em Simón.

Lloris voltou a salvar a França nos acréscimos, aos 48 minutos. Após escanteio, o goleiro fez uma defesaça no chute de Pino, dentro da pequena área.


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!