Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » CASO GERSON

Fluminense não chega a acordo com empresa por dívida em venda de Gerson

O tricolor carioca não pagou uma quantia pela venda de Gerson à Roma

SportBuzz Digital Publicado em 19/09/2019, às 18h33

Gerson
Gerson - Getty Images

Na tarde desta quinta feira, 19, aconteceu a audiência entre Fluminense e MPI sobre o caso da venda de Gerson para a Roma, da Itália.

A empresa cobra uma dívida do tricolor referente a 12,5% do valor da transação de Gerson, em 2015, até hoje não paga pelo clube.

Com isso, a MPI processou o Fluminense e exigiu a penhora de um montante da transferência de Pedro para a Fiorentina, que foi atendido. O valor apreendido beira os R$12 milhões.

Segundo a ata da negociação, que o jornal Lance! teve acesso, divulgou a conversa entre as partes.

O Fluminense mandou uma proposta de pagar a dívida em parcelas: R$1,5 milhão e mais 34 parcelas de 184 mil Reais. As últimas duas parcelas seriam de R$573 mil, totalizando cerca de 9 milhões de Reais.

A MPI recusou e fez duas proposta para o time carioca. 

A primeira seria uma entrada de R$1,5 milhão mais duas cartas de cessão de crédito no valor de 4 milhões de Reais no recebimento de cada parcela da venda de Pedro para a Fiorentina, nos anos de 2020 e 2021.

Sendo que teria a obrigatoriedade do dinheiro ser depositado diretamente na conta da empresa, ou seja, sem passar pelo intermédio do Fluminense.

A segunda é mais simples: Um pagamento de R$3 milhões à vista e mais 36 parcelas de 189 mil, sendo a última de R$246 mil. Sendo uma quantia total de R$10,5 milhões.

Como não houve um acordo entre as partes, a juíza responsável marcou uma nova audição para o dia 30 de setembro, segunda feira, às 14h:30.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!