Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Futebol / CONFUSÃO!

Flamengo: árbitro relata reclamação de dirigente em revés para o Galo

O Flamengo visitou o Atlético-MG no Mineirão em partida de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, foi derrotado por 2 a 1 e agora precisa correr atrás do prejuízo

Redação Publicado em 23/06/2022, às 11h51

Luiz Flávio de Oliveira comandou o apito e recebeu muitas reclamações - Crédito: Flickr - Cesar Greco/Palmeiras
Luiz Flávio de Oliveira comandou o apito e recebeu muitas reclamações - Crédito: Flickr - Cesar Greco/Palmeiras

Na noite desta quarta-feira, 22, o Flamengo visitou o Atlético-MG e foi derrotado por 2 a 1 no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Em meio às tensões da partida, o árbitro precisou anotar na súmula alguns acontecimentos externos às quatro linhas que tiveram impacto no andamento da partida.

Primeiro, Luiz Flavio de Oliveira, responsável pelo apito no confronto, relatou objetos que foram atirados em campo e acabaram atrapalhando a continuidade da partida. Segundo o árbitro, foram atirados um isqueiro e um ferro com uma porca e uma ruela rosqueadas vindos da torcida do Atlético-MG.

CANAL - SPORTBUZZ

"Aos 8 minutos do segundo tempo foi arremessado um isqueiro próximo ao assistente nº 02 Miguel Cataneo Ribeiro da Costa vindo da torcida do Atlético Mineiro e aos 15 minutos do segundo tempo foi arremessado um ferro com porca rosqueada e uma ruela na direção da área penal da equipe do Flamengo vindo da torcida do Atlético Mineiro", escreveu.

Além disso, Luiz Flávio contou que foi abordado por um dirigente do Flamengo no intervalo da partida. Segundo o árbitro, o chefe da delegação da equipe, Luiz Cláudio Cotta da Silva, pediu para que o juiz tivesse o mesmo critério para os dois lados e alegou que o dono do apito estava prejudicando o Mengão.

Flamengo perdeu para o Galo
O Flamengo foi até o Mineirão e acabou sendo derrotado pelo Atlético-MG na Copa do Brasil - Crédito: Flickr (Marcelo Cortes/Flamengo)

"No intervalo da partida, quando a equipe de arbitragem se dirigia para o vestiário próximo às escadas de acesso ao campo, o sr Luiz Cláudio Cotta da Silva, chefe da delegação do Flamengo, proferiu os seguintes dizeres à equipe de arbitragem: 'Você tem que dar para os dois lados, está prejudicando a gente'. No túnel de acesso aos vestiários, continuou proferindo palavras direcionadas à equipe de arbitragem: 'ninguém vai roubar o Flamengo não, cara***'", relatou.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!