Sportbuzz
Testeira
Futebol / VISH!

Flamengo: após polêmica, Jorge Jesus revela que não voltará ao Brasil

Ex-treinador do Flamengo, Jorge Jesus falou sobre seu futuro e a relação com o país tupiniquim; comandante português desembarcou em Portugal neste domingo, 8

Redação Publicado em 09/05/2022, às 13h43

Jorge Jesus, ex-treinador do Flamengo - Getty Images
Jorge Jesus, ex-treinador do Flamengo - Getty Images

Neste domingo, 8, surgiram novos desdobramentos da novela Jorge Jesus e Flamengo. Após passar 11 dias de férias no Rio de Janeiro, o treinador desembarcou em Portugal e deixou claro seu futuro no país sul-americano e os próximos passos em relação à sua carreira. Sobre a possibilidade de treinar um clube brasileiro no momento, respondeu:

“Não, não volto ao Brasil”. A fala foi direcionada ao canal de televisão português “SIC”, assim que chegou à sua terra natal. Durante seu período em terras brasileiras, Jesus havia gerado polêmica ao ter “se oferecido” para o Flamengo e estipulado o prazo final de 20 de maio para que o rubro-negro fizesse uma proposta para contratar o comandante.

 

CANAL - SPORTBUZZ:

O alvoroço chegou até o atual técnico da equipe carioca, Paulo Sousa, o que demandou uma resolução de crise interna por parte do clube, e, até mesmo, a Vítor Pereira, que atualmente conduz o Corinthians. A ação de Jorge Jesus foi criticada por muitas personalidades do meio esportivo, incluindo treinadores, ex-jogadores, jornalistas, entre outros.

RESPOSTA DE SOUSA

A semana não foi das melhores no Flamengo. Jorge Jesus deixou claro que quer voltar, Paulo Sousa ficou pressionado no cargo e o rubro-negro carioca foi derrotado pelo Botafogo no Brasileirão. A junção destes três fatores foi muito questionada durante a entrevista coletiva do treinador flamenguista no último domingo, 8, após o resultado negativo no Mané Garrincha:

Jorge Jesus e Gabigol
Gabigol e Jorge Jesus, no Flamengo (E/D) (Créditos: Getty Images)

 

Em relação ao Jorge, é um treinador que eu respeito. Respeito a história no Flamengo, respeito a importância dessa história e respeito aquilo que o Jorge foi no Flamengo em 2019. Mas também temos que respeitar o Paulo Carpegiani, que ganhou o título mais importante da história do clube, que é o Mundial de Clubes. Por isso é essa a situação", afirmou Paulo Sousa antes de desejar o melhor para Jorge Jesus.

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!