Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » ABRIU O JOGO!

Ex-São Paulo abre o jogo sobre dívida com Corinthians e diz: "Não posso abrir mão"

Jogador quebrou o silêncio sobre os valores que o Timão deve para ele

Lucas Miluzzi Publicado em 25/06/2020, às 18h32 - Atualizado às 19h18

Jucilei atuou no Corinthians entre os anos de 2009 e 2011
Jucilei atuou no Corinthians entre os anos de 2009 e 2011 - GettyImages

Recentemente foi divulgada uma notícia de que Jucilei, ex-jogador do São Paulo, entrou na Justiça com uma ação contra o Corinthians. O atleta alega não ter recebido cerca de 200 mil reais em sua saída do clube paulista, no início de 2011. 

Em entrevista para Alexandre Praetzel, o volante abriu o jogo e explicou a origem da dívida do Timão com o ele. Todo o embróglio se deu logo depois que o meio-campista aceitou a proposta do Anzhi, da Rússia. Jucilei afirma que o clube se recusou a pagar seu último salários, FGTS e também 13º. 

"Quando chegou a proposta do Anzhi-RUS, eu tinha, se eu não me engano, um salário para receber do Corinthians. Vou te falar: meu salário era de R$ 50 mil no primeiro ano, depois passou para R$ 110 mil, então tinha salários, tinha o 13º e o Fundo de Garantia. Quando chegou a proposta, o Corinthians queria que eu abrisse mão daquilo que eu já tinha trabalhado", afirmou. 

O meio-campista não acionou o Corinthians de imediato na Justiça, ele entrou com uma ação apenas três anos depois, em 2014. Em justificativa para tal ato, o jogador disse que trabalhou para receber e estava, exclusivamente, buscando seus direitos. 

"Sem meu salário, eu não posso abrir mão daquilo que eu já trabalhei. Ainda se é uma coisa para frente, tudo bem, mas eu tinha trabalhado e o Corinthians queria que eu abrisse mão daquele dinheiro. Eu falei: "Não, não posso abrir mão do que eu já trabalhei", se não me engano, eu tinha uns R$ 200 mil lá para receber. Então o Corinthians não me pagou, e se não me pagou, botei o Corinthians na Justiça", explicou. 

Ele ainda continuou: "Eu saí em fevereiro de 2011, eles queriam, se eu não me engano, que eu deixasse o mês de janeiro, férias, dezembro, 13º, alguma coisa assim, para trás, queriam que eu assinasse um papel para eu deixar para trás, mas eu falei que não assinaria pelo fato de eu querer receber, porque eu trabalhei. Acabou que a gente entrou com uma ação contra o Corinthians".

Jucileia ainda afirmou que não foi procurado pelo Timão para fazer um acordo e que ganhou a ação na Justiça. Sem dar os valores de maneira precisa, o valor que era de 200 mil reais, acabou sendo aumentado devido as altas taxas de correção. 

"Não me procurou (para fazer acordo), só falou para eu abrir mão desse dinheiro dessa época. Eu não sei os valores corretos, sei que eu processei sim o Corinthians, ganhei a causa, não sei o valor real, mas eu sei que ganhei e ganhei aquilo que eu trabalhei. Talvez dê um pouco a mais daquilo que eles deviam por causa dos juros, que são altos, mas só botei mesmo pelo fato de não ter me pagado aquilo que eu trabalhei. Não é nem ingratidão, é pelo fato de você trabalhar e não receber, acredito que qualquer um faça isso", finalizou.


5 itens que vão conquistar o coração dos torcedores do Corinthians

1- Caneca Estriada Corinthians - https://amzn.to/2OYJgKB

2- Jogo Churrasco Inox Corinthians - https://amzn.to/2VUZCFq

3- Caneta Roller Pen De Metal Com Caderno Corinthians - https://amzn.to/31lta0g

4- Luminária LED Corinthians - https://amzn.to/2OXHR7a

5- Camisa Corinthians Basic Camuflagem - https://amzn.to/2J3eo7V

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!