Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » LAMENTOU!

Ex-agente de Adriano Imperador lamenta sobre carreira do craque: "Ele poderia ter sido o melhor do mundo"

Gilmar Rinaldi ainda apontou o fator que mais atrapalhou o Imperador

Izabella Macedo Publicado em 27/04/2020, às 19h28

Ex-agente de Adriano Imperador lamenta sobre carreira do ex-joador
Ex-agente de Adriano Imperador lamenta sobre carreira do ex-joador - Instagram

No último domingo, 26, o ex-goleiro e tetracampeão do mundo com a Seleção Brasileira em 1994, Gilmar Rinaldi foi o convidado especial do programa A Última Palavra, da FOX Sports.

Durante a conversa, o ex-jogador falou sobre sua relação com Adriano Imperador, já que como sendo seu agente, os dois passavam muito tempo junto. Gilmar ainda lamentou o rumo que a carreira do amigo tomou.

Depois de se destacar pelo Flamengo e ser contratado pela Inter de Milão, o craque se consolidou no futebol italiano e também na Seleção Brasileira. Em sua estreia, o Imperador já chegou marcando um gol contra o Real Madrid, no Santiago Bernabéu.

No entanto, mesmo com os momentos de felicidade e sucesso, Gilmar afirma que depois da morte do pai, Adriano começou a apresentar sinais de depressão e que esse teria sido o maior obstáculo encontrado pelo atleta em toda a sua vida.

"Foi uma pena, um desperdício. Quem conhece o Adriano, o talento e a produção que ele tinha. Quem assistiu esses dias a (final da) Copa das Confederações na Alemanha (2005) e ver o que ele fez, e acho que aquele foi um dos auges dele. Nessa época, nunca me esqueço de uma frase de um diretor da Inter de Milão, o Oriali, que foi campeão do mundo em 1982. Um dia ele me perguntou quando o Adriano chegaria (à Itália), e ele estava no Brasil, e ele falou: Gilmar, tenta fazer ele voltar mais rápido porque se ele não estiver, não tem Inter", disse antes de completar.

"Tenho certeza que naquele ano ele poderia ser o melhor jogador do mundo, quem sabe seria ele depois do Kaká o cara que ganharia, tinha todas as condições. Depois da morte do pai dele ele teve alguns problemas, mas o que mais pegou foi a depressão. Ele não conseguiu lidar, eu não consegui lidar também, tentei o possível", continuou.
 
Apesar das dificuldades encontradas, Didico, como é conhecido, deu a volta por cima e se saiu muito bem com isso. Hoje em dia, o ex-jogador apoia causas sociais e recentemente fez doações nas comunidades do Rio de Janeiro em combate ao coronavírus.

5 itens do seu time do coração que você não pode ficar sem

1- Camisa Adidas São Paulo 2018 - https://amzn.to/31uv12K

2- Livro Maquete 3D Estádio Vila Belmiro - https://amzn.to/2IZ3AaY

3- Mochila Corinthians - https://amzn.to/2psy3ax

4- Caneca com Abridor,  Flamengo - https://amzn.to/31uUJnQ

5- Fone de Ouvido Cruzeiro - https://amzn.to/33GhR4d

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!