Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » COMPLICADO

Ex-agente cobra mais de R$ 19 milhões de Richarlison, e jogador recebe oficial de Justiça na Granja

Richarlison disse, por meio da assessoria de imprensa, que foi incluído indevidamente no processo

Redação Publicado em 29/06/2021, às 09h19

Richarlison, jogador do Everton
Richarlison, jogador do Everton - GettyImages

Na última sexta-feira, 25, Richarlison recebeu uma surpresa nada agradável enquanto estava concentrado com a Seleção Brasileira para a disputa da Copa América, na Granja Comary, em Teresópolis. 

Acontece que o jogador recebeu uma intimação de um oficial de justiça, onde consta que ele está sendo cobrado em uma ação movida pelos empresários RicardoMendes e LucianoMartins. Junto com eles, o atleta firmou um contrato de procuração válido por cinco anos.

Segundo informações publicadas pelo site "Globo Esporte", os ex-empresários do jogador querem receber R$ 19,7 milhões de Richarlison e dos atuais agentes dele, RenatoVelasco e Lucca Bertolucci.

A publicação indica que esse valor é referente a comissões por transferências e uma fatia dos salários do atleta. Além disso, o processo já tinha sido aberto no ano passado, mas não havia avançado até agora porque Richarlison, que mora na Inglaterra, não havia sido citado até então.

Os advogados de Ricardo Mendes e Luciano Martins, que chegaram a enviar uma comunicação jurídica internacional para o Reino Unido, esperam que o caso se desdobre a partir de agora.

Por meio de sua assessoria de imprensa, Richarlison confirmou que foi intimado, mas disse ter sido incluído indevidamente nesta disputa entre seus ex e atuais empresários.

"O jogador esclarece que todas as comissões devidas ao longo de sua carreira foram integralmente pagas, quer pelo próprio atleta, quer pelos clubes por onde passou. Desta forma, a demanda em nada se relaciona ao atleta, mas sim a uma discussão travada por terceiros. Os seus advogados estão tratando de excluí-lo da responsabilidade a ele inapropriadamente atribuída", dia a nota divulgada pela assessoria do jogador.

Vale lembrar que em 2015, antes de Richarlison trocar o América-MG pelo Fluminense, Ricardo Martins e Luciano Mendes firmaram uma parceria com Lucca Bertolucci. Nesse momento, a procuração do atleta já era dividida com Renato Velasco.

Ricardo Mendes e Luciano Martins alegam que não receberam o que teriam direito nas negociações de Richarlison com Fluminense, Watford e Everton, ambos da Inglaterra. Dessa forma, eles calculam que deveriam ter embolsado R$ 13,4 milhões em comissões.

Eles também afirmam ter direito a 5% dos salários que Richarlison recebeu nos últimos cinco anos, o que representaria mais R$ 6,3 milhões.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!