Sportbuzz
Testeira
Futebol / DECISÃO!

Eurocopa: confira a análise de Bélgica x Itália

Itália e Bélgica vão se enfrentar pelas quartas de final da Eurocopa

Lucas Miluzzi Publicado em 01/07/2021, às 15h46 - Atualizado às 16h17

Bélgica e Itália se enfrentam pelas quartas de final da Eurocopa - GettyImages
Bélgica e Itália se enfrentam pelas quartas de final da Eurocopa - GettyImages

A Eurocopa está chegando em sua reta final e a partir desta sexta-feira, 2, iremos conhecer os primeiros semifinalistas da competição. Um dos jogos que serão realizados nesta data é o mais esperado das quartas, visto que a Itália e Bélgica são duas das principais seleções que avançaram para a atual fase do torneio europeu. 

Importante ressaltar que, apesar de ambas terem um estilo de jogo diferente, as duas possuem números similares na competição. Mesmo com maneiras diferentes de jogar, Bélgica e Itália carregam consigo o desempenho de serem duas das melhores defesas e também ataques da Eurocopa. 

 

COMO SÃO AS DEFESAS?

Começando pela Bélgica, Roberto Martínez possui um esquema de jogo bem definido e montado num 3-5-2. Tal tática escolhida pelo treinador, faz com que os meias tenham mais liberdade e também trabalhem ainda mais a posse de bola. Além disso, devido a presença de três zagueiros, os alas acabam se mantendo livres para atacar. 

Jogando desta forma, a Bélgica carrega consigo o posto de segunda melhor defesa da competição perdendo para a Inglaterra e empatando com a Itália em gols sofridos. Isso porque, Courtois viu sua rede balançar apenas uma vez e foi diante da Dinamarca

Enquanto isso, Roberto Mancini monta uma defesa da Itália com linha de quatro. Para ser mais específico, seu time joga num 4-3-3, onde os laterais também tem liberdade para atacar, porém possuem um compromisso maior com a defesa. Além disso, o treinador italiano montou um meio de campo com três volantes e o trio sabe marcar, manter a posse e chegar ao ataque. 

Desta maneira, a Itália de Roberto Mancini só empata com a Bélgica e não é a melhor defesa, pois a Inglaterra segue como a defesa mais sólida da Eurocopa, ou seja, sem tomar gols. Mas essa não é a única diferença entre os times, o ataque também nos reserva grandes mudanças. 

E OS ATAQUES? 

Apesar da Bélgica possuir os nomes mais badalados, como Lukaku, De Bruyne, Hazard e outros, é a Itália quem leva vantagem nesse aspecto. Com um tridente ofensivo montado por Immobille, Insigne e Berardi, Roberto Mancini encontrou o equilíbrio perfeito entre velocidade, técnica e força. 

Com nove gols marcados em quatro partidas disputadas, a Seleção Italiana só não tem mais gols que a Espanha. Os espanhóis, por sinal, lideram esse setor com 11 bolas na rede. Com esses números, a Itália pode oferecer grande perigo para a defesa da Bélgica. 

Mas o time comandado por Roberto Martínez não fica tão atrás dos italianos. Isso se deve, pois com o mesmo número de partidas, a Seleção Belga conseguiu marcar oito gols. Ou seja, com uma média de dois tentos por jogo, a tendência é de que ambas façam um encontro com muitas chances e oportunidades de bola nas redes. 

O QUE ESPERAR? 

A partida que vai marcar o encontro de Lukaku e Immobille, os dois principais artilheiros de Bélgica e Itália, promete ser dura para os dois lados. A tendência é de que os italianos pressionem a saída de bola rival e esperem para recuperar no campo de defesa, enquanto os belgas procurem manter mais a posse e criar chances com um volume de jogo maior.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!