Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Futebol / ESPANHA DEU TCHAU

Espanha é eliminada pela segunda vez seguida nas oitavas de final da Copa

Equipe de Luis Enrique não foi capaz de furar a defesa marroquina e nos pênaltis, não converteu nenhuma cobrança, sendo eliminada de forma precoce

Redação Publicado em 06/12/2022, às 15h15

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Espanha deu adeus antes do esperado da Copa do Mundo de 2022 - Getty Images
Espanha deu adeus antes do esperado da Copa do Mundo de 2022 - Getty Images

A Espanha foi eliminada pela segunda vez consecutiva nas oitavas de final da Copa do Mundo, repetindo o desempenho que obteve na edição de 2018, quando caiu para as donas da casa, Rússia, em disputa de pênaltis. Desta vez em 2022, ‘La Furia’ também caiu nas penalidades, porém para Marrocos, sendo mais uma vez eliminada no começo do mata-mata.

Desde que foi campeã mundial em 2010, a seleção espanhola não conseguiu mais repetir o sucesso da campanha vencedora e foi eliminada na fase de grupos em 2014, além das duas quedas precoces nas oitavas de final nas edições mais recentes.

Em 2018, a Espanha massacrou os russos ao longo dos 120 minutos e não conseguiu furar o bloqueio montado pela equipe da casa na ocasião. Na disputa de pênaltis, foi derrotada por 4 a 3 e deu adeus para a Copa da Rússia antes do esperado.

Na atual edição, a Espanha tinha como característica a forte posse de bola e a paciência para finalizar as jogadas, entretanto, faltou sair do óbvio para conseguir passar pela defesa de Marrocos, que também criou chances perigosas e chegou a assustar os espanhóis durante o jogo. Nos pênaltis, o goleiro marroquino Bounou brilhou e defendeu duas cobranças, terminando com a Espanha não convertendo nenhum chute nas penalidades.

Jovem geração espanhola falhou em ir longe na Copa do Mundo do Catar (Getty Images)

Após Luis Enrique ter afirmado que a seleção espanhola era favorita para ganhar a Copa do Mundo e que também possuía o futebol mais bonito do torneio, sendo eliminada justamente por conta da falta de objetividade das jogadas e com muitos passes de lado dos seus meias.