Sportbuzz
Testeira
Futebol / DEFINIDO!

Fim do mistério! Saiba a escalação do Atlético-MG contra o Boca Juniors para decisão na Libertadores

Atlético-MG tenta definir nesta terça-feira, 20, sua classificação para as quartas de final da Libertadores contra o Boca Juniors

Redação Publicado em 20/07/2021, às 18h28 - Atualizado às 18h36

Confira a escalaçaõ do Atlético-MG contra o Boca Juniors na Libetadores - GettyImages
Confira a escalaçaõ do Atlético-MG contra o Boca Juniors na Libetadores - GettyImages

O Atlético-MG vai com força total para cima do Boca Juniors nesta terça-feira, 20, em confronto válido pelas oitavas de final da Libertadores. Cuca, que fez mistérios nos últimos dias em relação a sua escalação titular, terá Hulk e Nacho comandando o ataque, além do retorno de Savarino e Tchê Tchê para os 11 iniciais.

CONFIRA A ESCALAÇÃO OFICIAL DO ATLÉTICO-MG!

RETROSPECTO DO ATLÉTICO-MG CONTRA O BOCA JUNIORS!

O Atlético-MG vai fazer o seu jogo de vida ou morte na Libertadores nesta terça-feira, 20, no estádio do Mineirão. No entanto, a equipe comandada por Cuca terá de superar um retrospecto incômodo contra o Boca Juniors para tentar o título do torneio continental. 

Apesar de ter arrancado um empate de 0 a 0 em La Bombonera, o Galo ainda terá de transpor um outro obstáculo para conseguir a classificação para as quartas de final. Isso porque, além do adversário ser argentino e ter tradição na Libertadores, o Boca Juniors também nunca perdeu para o Atlético-MG quando se enfrentaram na competição. 

Contando o confronto da última terça-feira, 13, os dois times estiveram frente a frente em três oportunidades. Nos três encontros, o Boca Juniors conseguiu duas vitórias, na Libertadores de 1978, e acabou sendo seguro pelo Atlético-MG na edição de 2021 do torneio organizado pela Conmebol. 

Nessas três partidas, o Boca Juniors marcou cerca de cinco gols e o Galo balançou as redes duas vezes. Na oportunidade em que os argentinos e brasileiros estiveram frente a frente, em 1978, os Xeneizes venceram o Atlético por 2 a 1 na ida e, em La Bombonera, bateram os adversários alvinegros por 3 a 1. 

Somando outras competições como Copa Mercosul e Copa Ouro, o retrospecto fica ainda mais negativa para o Galo. Além das três partidas pela Libertadores, é necessário somar mais quatro jogos, com apenas uma vitória do Atlético-MG, uma vitória do Boca Juniors e mais dois empates. 

Ou seja, nas sete vezes em que o Atlético enfrentou o Boca em partidas oficiais, o Galo venceu apenas uma, perdeu três e empatou três. Jogando contra ao retrospecto negativo diante dos Xeneizes, os mineiros conseguiram se classificar em mata-mata contra os argentinos com uma vitória por 2 a 0 e um empate em 2 a 2 na Copa Mercosul, em 2000. 

CONFIRA OS NÚMEROS!

  • Boca Juniors eliminou o Atlético-MG em duas oportunidades - Libertadores e Copa Ouro 
  • Atlético-MG eliminou o Boca Juniors em uma oportunidade - Copa Mercosul 
  • Boca Juniors: 8 gols feitos, três vitórias, três empates e uma derrota 
  • Atlético 6 gols feitos, uma vitória, três empates e três derrotas
  • Maior sequência de invencibilidade: Boca Juniors - quatro jogos (um empate e três vitórias)

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!