Sportbuzz
Testeira
Futebol / COPA DA INGLATERRA

Em decisão nos pênaltis, Liverpool é campeão da Copa da Inglaterra

O Liverpool derrotou o Chelsea na final da Copa da Inglaterra em cobranças de pênaltis após jogo suado e prorrogação sem gols; Reds conquistam seu oitavo título na competição

Redação Publicado em 14/05/2022, às 15h51

Liverpool na Copa da Inglaterra - Getty Images
Liverpool na Copa da Inglaterra - Getty Images

Neste sábado, 14, Chelsea e Liverpool entraram em campo para definir a final da Copa da Inglaterra 2021/2022. Após tempo regular com disputa acirrada e nenhum gol até o segundo tempo da prorrogação, a esquadra de Jurgen Klopp levou a melhor nos pênaltis (6 a 5) e conquistou seu 8º título pela competição.

A partida começou de maneira ofensiva e com boas oportunidades criadas. Luis Díaz fez o primeiro lance perigoso do jogo, em tiro rasteiro que foi defendido por Mendy, com os pés, nos oito minutos iniciais. Os Blues procuraram segurar todas as ofensivas dos Reds, que exerciam uma grande pressão no ataque.

 

CANAL - SPORTBUZZ:

O confronto também foi marcado por uma série de lesões: Thiago Silva chegou a ser atendido pelos fisioterapeutas de seu time e foi visto mancando ao longo do gramado. Alisson, o goleiro da Fênix, se machucou em choque com Alonso após um domínio de bola perdido. Salah foi substituído aos 32 minutos depois de sentir dores próximas à região da virilha. 

O Liverpool deteve a maior posse de bola ao longo do primeiro tempo e construiu várias chances de gol no primeiro tempo, assim como o adversário comandado por Thomas Tuchel, que foi bem-sucedido em anular os avanços. O início do 2º tempo era marcado por grandes defesas de Alisson, como as feitas diante de Pulisic e Alonso.

Liverpool e Chelsea na Copa da Inglaterra
Liverpool e Chelsea na Copa da Inglaterra (Créditos: Getty Images)

 

Assim como no primeiro tempo, nenhum gol foi marcado no segundo e a partida foi levada para a prorrogação. Embora tenha conseguido aumentar a pressão, o Chelsea pecou na precisão e não conseguia acertar o gol. Os Reds, por sua vez, tentavam retomar o ritmo de domínio nos minutos finais da primeira parte fora do tempo regular. Contudo, não conseguiram marcar nos 15 minutos. 

Além do cansaço crescente para ambos os times e a saída de Thiago Silva em razão de cãimbras, nada havia mudado na segunda parte da prorrogação. Nas cobranças de pênaltis, mais uma vez o Liverpool se sobressaiu por 6 a 5 e se sagrou campeão da 145ª edição em um dos torneios de futebol mais antigos do mundo. 


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!