Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » FIFA

Dirigente da Fifa vai propor mudança na linha de impedimento para beneficiar atacantes

Arséne Wenger sugere que algumas decisões de impedimento sejam reavaliadas para evitar discussões intensificadas

Gabriela Santos Publicado em 19/02/2020, às 17h38

Dirigente da Fifa vai propor mudança na linha de impedimento para beneficiar atacantes
Dirigente da Fifa vai propor mudança na linha de impedimento para beneficiar atacantes - YouTube

A regra para a linha de impedimento no futebol pode ter uma mudança. Responsável por muitas polêmicas ao redor do mundo, ela ganhou um pouco mais de drama após a implementação do VAR. O recurso da tecnologia praticamente encerrou os erros de arbitragem, capazes de identificar milímetros de irregularidade. O debate acalorado sobre tal decisão pode “forçar” a Fifa a operar uma alteração.

O francês Arséne Wenger, treinador do Arsenal durante 22 anos, é o atual chefe de desenvolvimento da Fifa e afirmou que irá propor uma mudança na regra que beneficie o ataque e que evite que gols sejam anulados por impedimentos milimétricos. A declaração foi feita durante um painel de discussão realizado durante o Laureus World Sports Awards, na última segunda-feira, em Berlim.

“Não será impedimento se qualquer parte do corpo que possa marcar um gol esteja na mesma linha do último defensor, mesmo que outras partes do corpo do atacante estejam à frente. Isso irá resolver, e você não terá mais decisões sobre milímetros e frações do atacante estarem à frente da linha defensiva”, declarou Wenger.

Em nota oficial, a entidade máxima do futebol fez esclarecimentos em relação à declaração de de Arséne Wenger no Laureus World Sports Awards.

"Durante o referido painel de discussão, entre outros tópicos, me referi a possíveis maneiras de melhorar a regra de impedimento e mencionei uma das possibilidades que vale a pena pensar. Meu objetivo, assim como o da Fifa, é pensar continuamente em maneiras para melhorar nosso jogo e não devemos ter medo de discuti-los em público, mas estou ciente de que quaisquer alterações nas regras estão sujeitas a um processo de aprovação padrão, que inclui discussões com as partes interessadas e possíveis fases de teste, dentro do escopo estabelecido pela IFAB", afirmou Wenger na nota.

A alteração será proposta em uma reunião da International Board (IFAB), órgão responsável pelas regras do jogo em todo o mundo, no dia 29 de fevereiro. Se for aceita, a regra poderia ser alterada no começo de junho, o que implicaria em sua utilização já na Euro 2020, que será disputada a partir de 12 de junho.

Para isso, será necessário que a nova regra seja aprovada por seis de oito votos dentro da IFAB. Metade desses votos pertencem à Fifa, enquanto os países criadores da IFAB (Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do norte) têm os outros quatro.

Hoje, a regra da linha de impedimento aponta que um lance é inválido caso o atacante que receba a bola esteja com ao menos uma parte do corpo que possa marcar um gol - cabeça, tronco e membros inferiores - à frente da linha do defensor, exceto o goleiro, mais próximo da linha de fundo.

A discussão sobre a regra surgiu na Inglaterra, na semana passada, após um gol do Wolverhampton, diante do Leicester, foi anulado por conta de um impedimento milimétrico do calcanhar de Pedro Neto.


5 itens de times internacionais que todo amante do futebol vai querer ter

1- Camisa Juventus 1985 Retrô - https://amzn.to/2JeQQgo

2- Caneca Scandinavia Real Madrid - https://amzn.to/2oh7iWs

3- Porta Tênis c/ 2 divisões Manchester City - https://amzn.to/32GlAin

4- Funko Pop! Paris Saint-Germain Kylian Mbappé - https://amzn.to/2pJkLGO

5- Bola Bolsa Esportiva Barcelona - https://amzn.to/2MGSGsQ

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!