Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » COPA DO BRASIL

Diretor do Sport fica indignado com acontecimentos contra a Juazeirense: “Como pode usar isso para ganhar jogo?”

Eliminação do Leão na Copa do Brasil é marcada por apagões, sumiço de bola e sistema de irrigação ligado

Redação Publicado em 10/03/2021, às 22h53 - Atualizado às 22h55

Diretor do Sport fica indignado com condições do jogo entre Sport e Juazeirense: “Como pode usar isso para ganhar jogo?”
Diretor do Sport fica indignado com condições do jogo entre Sport e Juazeirense: “Como pode usar isso para ganhar jogo?” - Transmissão/ SporTV

O Sport foi eliminado na primeira fase da Copa do Brasil ao ser derrotado pela Juazeirense-BA por 3 a 2 nesta quarta-feira, 10. A partida no Estádio Adauto Moraes ficou marcada por conta de vários incidentes, incluindo um apagão duplo que interrompeu a partida em mais de uma hora.

Primeiro, parte dos refletores do estádio se apagaram aos 50 minutos do segundo tempo, logo depois que o árbitro deu 11 minutos de acréscimo. O duelo foi interrompido por 25 minutos e a bola voltou a rolar. No entanto, um minuto depois, a a iluminação caiu novamente, paralisando o jogo em mais 1h15. Ainda restavam seis minutos para o término do confronto.

Em declaração ao SporTV, o diretor de futebol do Sport, Augusto Caldas, reclamou dos episódios no estádio do Cancão.

 

“Estamos incrédulos com tudo que está acontecendo. A partir do momento que a Juazeirense virou o jogo, começou água no campo, depois jogador teve choque no alto, a ambulância entrou de forma completamente louca. Depois começou a apagar a luz. Isso não é futebol. É uma apelação. Como pode a Juazeirense usar isso para ganhar jogo? Isso é absurdo”, disse.

“Rodrigo Calaça conversou com meu treinador e disse: 'Me desculpa, nós não compartilhamos disso, isso é coisa do diretor e do presidente'. Futebol não precisa disso. Ficamos estarrecidos como isso está acontecendo”, completou.

Em resposta, o presidente da Juazeirense, Roberto Carlos, disse que a falta de iluminação é um problema recorrente no estádio. Ele relembrou a derrota para o Vasco em 2019, pela Copa do Brasil, e rebateu:

“Infelizmente, o diretor do Sport disse uma inverdade. Infelizmente, o estádio teve alguns problemas de energia contra o Vasco, nós perdendo o jogo e deu essa paralisação. Eu pedi aos técnicos da prefeitura, vieram todos, tentaram consertar, consertaram a parte elétrica do estádio. Mas infelizmente a informação é que um dos geradores, inclusive na parte do meu goleiro, teve uma entrada de ar e não conseguiria voltar. Autorizei meu time a voltar da forma que está, conversei com meu goleiro Rodrigo Calaça e disse que deve autorizar. Com ou sem energia nós vamos ganhar do Sport. Não adianta o Sport apelar”, rebateu o mandatário.

Além dos apagões, a partida teve sistema de irrigação do campo ligado duas vezes, ambulância, sumiço das bolas e dos gandulas, além de discussão entre a delegação rubro-negra e pessoas presentes no estádio.

Na próxima fase, a Juazeirense vai enfrentar o vencedor de Castanhal x Volta Redonda, que se enfrentam na próxima semana. A princípio, o Cancão está classificado para a segunda fase, mas a tendência é de que o resultado do jogo tenha desdobramentos no Superior Tribunal de Justiça Desportiva por conta das circunstâncias da partida.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!