Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » CRAQUES!

De Platini até Diego Costa: Conheça alguns craques que jogaram por mais de uma seleção durante toda a carreira

O SportBuzz separou seis nomes de jogadores que atuaram por diversos países e alguns são surpreendentes

Lucas Miluzzi Publicado em 27/04/2020, às 16h37 - Atualizado às 18h48

Diego Costa é naturalizado espanhol e atuou em duas Copas do Mundo pela Fúria
Diego Costa é naturalizado espanhol e atuou em duas Copas do Mundo pela Fúria - GettyImages

A prática de adotar uma dupla nacionalidade e atuar por outros países é algo normal e que ocorre de maneira frequente no mundo do futebol. Diversos atletas chegaram até a vestir a camisa de seu país de origem, mas acabaram representando outra nação em competições internacionais. 

Existem diversos motivos para que os jogadores mudem de nacionalidade e acabem atuando por outros países. Muitos adotam a medida para ter mais chances de convocações ou para atuar em seleções que sejam mais competitivas e deem condições para obter um melhor resultado em torneios importantes.

Além disso, alguns jogadores foram obrigados a trocar de país de origem por desmembramentos territoriais e também com o surgimentode novas nações. Esses casos ocorreram no início dos anos 90, com a divisão da União Soviética e também com a reunificação da Alemanha. 

Se voltarmos no passados, atletas mais antigos também eram convidados por diversas nações para atuar em algumas partidas e, até mesmo, competições importantes como a Copa do Mundo. Esse é o caso de Ferenc Puskás, que jogou o campeonato mundial pela Espanha e também pela Hungria.

Pensando nisso, o SportBuzz separou seis nomes que atuaram por mais de uma seleção durante as respectivas carreiras. Dentre eles estão lendas do futebol como Alfredo Di Estéfano, Michel Platini e também o atacante Mazzola.

Confira a lista:    

FERENC PUSKÁS ( Hungria e Espanha)

Crédito: Divulgação / Puskás foi ídolo do Real Madrid e um dos maiores jogadores da história do Real Madrid

 

Nascido em Budapeste, no ano de 1927, Ferenc Puskás foi um dos maiores jogadores de futebol da história. O jogador se destacou pela habilidade e também qualidade na hora de fazer belos gols. Teve passagem importante pelo Real Madrid, onde se tornou um ícone do futebol espanhol até os dias de hoje.

O canhoto atuou pela seleção da Hungria durante dez anos, mas depois foi proíbido de entrar e representar seu país de origem. Com isso, na Copa do Mundo de 1962, foi convocado para atuar pela Espanha e jogou quatro partidas pela Fúria.

ALFREDO DI STÉFANO (Argentina, Colômbia, Espanha) 

Crédito: Divulgação / Di Stéfano foi, por muito tempo, o maior artilheiro da história da Seleção Espanhola

 

Di Stéfano durante toda a sua vitoriosa carreira teve a possibilidade de atuar por três seleções diferentes. A primeira que representou foi a Argentina, mas pela camisa de seu país de origem fez apenas seis partidas, mas marcou seis gols . 

Depois teve a chance de representar a Colômbia, em sua belíssima passagem pelo Millionarios. Por lá fez quatro jogos e não chegou a balançar as redes. Em seguida foi para a Espanha, onde se tornou ídolo do Real Madrid e da Seleção Espanhola. 

Com a camisa da Fúria foram 31 partidas e 23 gols marcados. Durante muitos anos foi o maior goleador da história do país e só foi ultrapassado nos anos 90 por Emilio Butrageño. Mesmo assim não conseguiu disputar Copas do Mundo pelo país, apenas Eliminatórias para a competição.

MAZZOLA (Brasil e Itália)

Crédito: Divulgação / Mazzola atuou em times importantes como Milan e Palmeiras

 

José João Altafini, mais conhecido como Mazzola, fez sucesso tanto com a camisa da Seleção Brasileira quanto com a da Italiana. O jogador estava no time que foi campeão da Copa do Mundo de 1958, inclusive, foi o autor do primeiro gol canarinho naquele torneio. 

No entanto, em 1962, por questões políticas ele não pode representar o Brasil e acabou sendo convidado pelos italianos para representar a Itália na competição daquele ano. Ele aceitou o convite e jogou pela Squadra Azzurra, marcando cinco gols em seis jogos pelo país.

MICHEL PLATINI (França e Kuwait)

Crédito: Divulgação / Michel Platini atuando pela Juventus em 1984

 

Umas das maiores lendas do futebol mundial, Michel Platini tem um currículo de causar inveja e é motivo de inspiração para diversos atletas. O ex-meia da Seleção Francesa participou de três Copas do Mundo pelo país e alcançou um título da Eurocopa. 

Mas poucos se lembram de sua breve passagem pela seleção do Kuwait. Na época, o ex-jogador participou de um amistoso para representar o país a pedido do Sheik local. O time perdeu por 2 a 0 para a União Soviética e o francês participou de apenas 21 minutos do confronto.

DEJAN STANKOVIC ( Iugoslávia, Sérvia e Montenegro, Sérvia)

Crédito: GettyImages / Stankovic em ação pela Sérvia na Copa do Mundo de 2010 

 

Dejan Stankovic é um exemplo claro das cisões de alguns países que foram originando novos. O importante meio-campista passou pela Internazionale de Milão e participou de três Copas do Mundo com seleções diferentes. 

Sua primeira foi com a Iugoslávia, em 1998, a segunda foi em 2006 pela Sérvia e Montenegro. Sua última participação no torneio foi no ano de 2010, quando representou a Sérvia. Com isso, ele se tornou o único jogador da história a jogador por três países diferentes uma Copa do Mundo. 

DIEGO COSTA (Brasil e Espanha)

Crédito: GettyImages / Diego Costa chamou atenção da Seleção Espanhola atuando pelo Atlético de Madrid

 

Um dos exemplos mais recentes dessa troca de nacionalidade é o de Diego Costa. O atacante atuou pela Seleção Brasileira por apenas 33 minutos e acabou não tendo mais oportunidades com a camisa canarinho. 

Com isso, foi convidado a se naturalizar espanhol e jogar com pela Seleção Espanhola na Copa do Mundo de 2014. O centrovante então topou a proposta e hoje em dia é um dos principais destaques da Fúria. Ele também esteve presente no último mundial da Rússia.


Itens que todo fanático pela Seleção Brasileira vai amar ter

Clique nos links abaixo para comprar os produtos:

1. Álbum de Figurinhas Seleção Brasileira Rússia 2018. A Maior Campeã de Todos os Tempos (+ 10 Envelopes) 

2. Copo Chuteira 370 Ml Jogador Cbf Globimport Transparente 

3. Camiseta Nike Brasil Torcedor Réplica 18/19 

4. A camisa amarela da seleção brasileira

5. Chinelo Slim Brasil, Havaianas, Feminino 

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!