Sportbuzz
Testeira
Futebol / PÉS NO CHÃO

Cuca adota cautela por título do Atlético-MG no Brasileirão: "Falta muito chão"

Treinador do Atlético-MG, Cuca reforçou a importância de se ter paciência nessa reta final de Brasileirão, e segurar a ansiedade para cumprir o calendário de jogos

Redação Publicado em 08/11/2021, às 07h18

Cuca, treinador do Atlético-MG durante partida do Brasileirão - GettyImages
Cuca, treinador do Atlético-MG durante partida do Brasileirão - GettyImages

Neste domingo, 7, o Atlético-MG foi superior ao América-MG no clássico pelo Brasileirão, e saiu vitorioso pelo placar de 1 a 0. Na visão do técnico Cuca, o elenco do Galo conseguiu trabalhar a paciência para construir o resultado final, que se tornou ainda mais importante para deixar o título praticamente nas mãos.

"Passou muito pela paciência da equipe, porque se você não tem paciência, você não ganha. Se você quiser correr com a bola, você não vai ganhar. Você tem que trabalhar as jogadas. Tem hora que você tem que oferecer o contra-ataque ao adversário, ter um contra-ataque contra o adversário. Mas, se você tiver só correria, você não aguenta. No segundo tempo, não. Aí, nós entendemos um pouco melhor o jogo, o adversário, trabalhamos melhor a bola e criamos mais oportunidades, numa dela uma jogada bem construída da esquerda para direita e da direita para trás, o passe, até sair o gol do Arana", disse Cuca.

Somando 65 pontos, sendo líder isolado, mantendo uma campanha quase perfeita dentro de casa, e 10 pontos de vantagem para o segundo colocado, o Atlético-MG pôde contar com um reforço de extrema importância nessa reta final de campeonato, que foi a volta, e a presença da torcida em todos os jogos depois da liberação.

Para se ter uma ideia, no jogo deste domingo, mais de 60 mil torcedores Alvinegros estiveram presentes nas arquibancadas. Ainda que a euforia fosse grande, o torcedor ainda precisa segurar o grito de campeão do Brasileirão, que está querendo sair da garganta há 50 anos. Para Cuca, essa prudência do torcedor é importante.

"O torcedor ele tá com pé no chão, assim como nós, eu nunca escutei eles cantarem é campeão porque eles sabem que falta muito chão ainda, e esperou-se tanto tempo, pode se esperar um pouco mais. Tá certinho", elogiou.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!