Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » FIM DE PARCERIA!

Cruzeiro deve encerrar contrato com fornecedora de material esportivo

Contrato obriga Raposa a pagar por custos referentes a seu novo uniforme

Izabella Macedo Publicado em 30/12/2019, às 15h14

Por conta de custos a mais, Cruzeiro deve romper contrato com fornecedora de material esportivo
Por conta de custos a mais, Cruzeiro deve romper contrato com fornecedora de material esportivo - GettyImages

Na última semana, o Cruzeiro anunciou seu novo uniforme para a temporada 2020. Depois de fazer um suspense nas redes sociais, a Raposa publicou uma foto do novo manto Cruzeirense. 

Os torcedores vão poder adquirir as novas camisas já na próxima quinta-feira, 2, data do aniversário de 99 anos do clube. No entanto, somente as peças que já foram produzidas poderão ser vendidas. 

De acordo com entrevista de Saulo Fróes, presidente do Núcleo Diretivo Transitório do Cruzeiro, para o Hoje em Dia, de Minas Gerais, a Raposa deve anunciar até o fim desta segunda-feira, 30, o rompimento do contrato com a fornecedora.

"Esse tipo de contrato é totalmente adverso ao Cruzeiro. Devemos romper hoje à tarde. Há um prazo que a gente tem de cumprir, mas tudo será explicado numa espécie de portal de notícias que vamos criar no site oficial", disse.

Mesmo com a rescisão, a equipe celeste vai começar a próxima temporada com as roupas da até então antiga fornecedora.

"Há um prazo de 90 dias que precisamos de cumprir. E também não há tempo suficiente para se fazer as novas peças, até porque a tendência é partirmos para a marca própria", finalizou.

Segundo o site Yahoo, horas depois do anúncio da nova coleção, o Conselho Gestor do clube falou em romper o contrato com a nova fornecedora de material esportivo. O vínculo efetivo entre ambos começaria somente em 1º de janeiro e teria três anos de duração.

O motivo por trás do desejo de encerrar a parceria seriam algumas cláusulas que desagradam o novo presidente da Raposa, dentre elas, a que mais chama atenção é que o clube teria que pagar por todo material esportivo que utilizasse.

Dessa forma, toda vez que o Cruzeiro entrasse em campo, independentemente do campeonato, o uniforme teria um custo. Cada peça seria cobrada e o valor seria abatido dos royalties que o clube fosse receber pela venda de produtos da sua marca.

Para conseguir cumprir com toda demanda de todas as suas equipes, incluindo treinos, concentração, jogos e viagens, o Cruzeiro deveria gastar entre R$ 1,5 milhão e R$ 2 milhões somente em material. O clube receberia as camisas com preço de custo e não no valor final para o consumidor.

 


5 itens que todo torcedor do Cruzeiro precisa ter

1- Almanaque do cruzeiro - https://amzn.to/2MZbr9J

2- Caneca Gel Cruzeiro Escudo - https://amzn.to/32FNYBe

3- Camisa Umbro Cruzeiro Oficial 1 2019 - https://amzn.to/2W7ZAKM

4- Conjunto 4 Copos Dose Olé - Cruzeiro Escudos - https://amzn.to/2W6hAFd

5- Boné Aba Reta Cruzeiro - https://amzn.to/33PPcK2

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!